Negócios

Brasil pode prejudicar projeções da Bunge para o primeiro trimestre, diz JPMorgan

Nova York, 6/4 – A Bunge estimou que o lucro para a sua divisão de trading de grãos deve atingir entre US$ 150 milhões e US$ 200 milhões no primeiro trimestre deste ano. Entretanto, analistas do banco JPMorgan acreditam que essa projeção pode ser excessivamente otimista por causa dos baixos preços das commodities e da valorização do real ante o dólar.

Segundo o JPMorgan, o fortalecimento da moeda brasileira fez com que os agricultores do país vendessem de forma mais lenta a sua produção para tradings como a Bunge, o que tende a retardar o fluxo de grãos para os portos e as instalações de processamento.

O banco também disse que os preços do açúcar no Brasil estão 25% abaixo do pico de outubro de 2016 (embora a Bunge tenha hedges para 2017), enquanto os preços do etanol se enfraqueceram durante o primeiro trimestre. Fonte: Dow Jones Newswires.