Economia

Escritório dos EUA prepara ação contra JBS após Operação Carne Fraca

São Paulo, 17 – O escritório de advocacia norte-americano The Rosen Law Firm disse que está preparando uma ação coletiva em nome dos acionistas da JBS para recuperar perdas sofridas pelos investidores da companhia. O escritório disse que está investigando alegações de que a processadora de carnes pode ter divulgado informações enganosas para seus investidores. As ações da companhia foram fortemente afetadas no pregão desta sexta-feira, 17, por causa da Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, que investiga o fornecimento, por parte de agentes governamentais, de certificados sanitários a empresas sem qualquer fiscalização efetiva.

Em nota, o escritório destacou as investigações da Polícia Federal sobre a companhia e a prisão de dois funcionários da JBS. A processadora de carne chegou a divulgar que três de suas plantas e um de seus funcionários estavam entre os alvos da operação. “Com essas notícias, as ações da JBS caíram acentuadamente durante a negociação em 17 de março de 2017”, disse a nota.