O Campo em números

Mais crédito à soja

FRIGORÍFICO
Minerva vai às compras 

147

O grupo paulista Minerva Foods, presidido por Fernando Galletti de Queiroz, anunciou no mês passado a compra do Frigorífico Rio Doce S.A. (Frisa), de Niterói (RJ). A empresa, que é uma das líderes do mercado sul-americano de carne bovina, com unidades também no Uruguai, Paraguai e Colômbia, deve pagar R$ 205 milhões. O Frisa tem capacidade para abater 1,7 mil bovinos por dia, com unidades em Colatina (ES), Nanuque (MG) e Teixeira de Freitas (BA). Com a aquisição, o Minerva Foods chega a uma capacidade de abete 19 mil animais por dia.

CACAU
Chocolate baiano 

149

O grupo Olam International, sediado em Cingapura, inaugurou no mês passado um centro de inovação para o cacau em Ilhéus, no litoral sul da Bahia. Com um investimento de R$ 2 milhões, o objetivo é ampliar o portfólio de produtos destinados aos mercados nacional e internacional, para atender as demandas específicas da indústria de bebidas, sorvetes e chocolate. O centro é o sexto inaugurado pela companhia asiática, voltado exclusivamente para o cacau.

LOGÍSTICA
Carga pesada no porto

151

A VLI, empresa de logística que tem como sócios a Vale, a Brookfield, a Mitsui e o fundo de investimentos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), gerido pela Caixa Econômica, anunciou no mês passado a conclusão de 95% das obras da ampliação do Terminal Integrador Portuário Luiz Antonio Mesquita (Tiplam), no Porto de Santos (SP). A previsão é concluir as obras no primeiro semestre de 2017.

REPRODUÇÃO
Inseminação bovina

145

A canadense Alta Genetics, multinacional do segmento de inseminação artificial, espera fechar o ano de 2016 com uma receita de R$ 90 milhões no Brasil, 13% maior do que no ano anterior. Líder desse setor, a Alta tem cerca de um terço do mercado. Em duas décadas de operação no País, a empresa aumentou o número de doses vendidas de 68 mil para 4,5 milhões por ano. A central, em Uberaba (MG), tem atualmente 270 touros residentes.

150

 Números do mercado

US$ 20 milhões   

foi a captação do fundo da americana AGTech Accelerator para as startups agrícolas

R$2 milhões 

é o valor que produtores, cooperativas e indústrias doaram para a conclusão do aeroporto de Sorriso (MT)

R$2,5 milhões 

é quanto o BNDES e o Banco do Brasil vão oferecer a mais de crédito no Moderfrota para a safra 2016/2017

R$110 milhões 

serão investidos pela cooperativa C.Vale em um frigorífico de peixes

R$42,9 milhões 

foi o lucro do grupo sucroalcooleiro Andrade na safra 2015/2016

R$21,5 milhões 

será o investimento da Aurora Alimentos em quatro silos no Estado de Mato Grosso do Sul

152

Pesquisa
Regiões agrícolas puxam os resultados do varejo

Uma pesquisa produzida pela Cielo e o The Boston Consulting Group (BCG), mostraram que as cidades situadas nas regiões agropecuárias apresentaram um crescimento, em termos reais, de 1,3% no desempenho do varejo, em 2015, contra queda de 1,3% na média nacional.

Tailândia
Seca deve atrasar processamento de cana

Devido à seca que prejudicou a rebrota da cana-de-açúcar, as usinas da Tailândia estão atrasando o início da safra 2016/17. Com isso, a previsão é de que sejam processadas 91,1 milhões de toneladas de cana na safra, ante 94,05 milhões em 2015/16.

Análise do Mês

As exportações brasileiras de açúcar via contêineres totalizaram 987,6 mil toneladas no terceiro trimestre de 2016. O valor representa um volume 53,4% maior em relação ao mesmo período do ano passado. A maior parte desse açúcar foi exportada no mês de agosto, quando saíram dos portos brasileiros 383,2 mil toneladas da commodity. No acumulado do ano, o Brasil exportou 2,2 milhões de toneladas de açúcar via contêineres, um expressivo aumento de 37,2% sobre igual período de 2015 (1,6 milhão de toneladas).

A exportação de açúcar brasileiro por contêineres representa mais de 85% dos embarques de ensacados Guilherme Nastari, diretor da Datagro
A exportação de açúcar brasileiro por contêineres representa mais de 85% dos embarques de ensacados Guilherme Nastari, diretor da Datagro

O principal destino do açúcar em contêineres brasileiro foi o Iêmen, recebendo 416,7 mil toneladas (18,9%) do total do açúcar embarcado, seguido por Myanmar com 301,1 mil toneladas (13,7%), e de Sri Lanka com 298,1 mil toneladas (13,6%).
Sobre os números mundiais da produção de açúcar, as expectativas cresceram para a produção na União Europeia, Rússia e Ucrânia. Já na Índia e Tailândia, os produtores estão otimistas e aumentaram o plantio para a safra 2017/2018.

 

 

 

153