Notícias

Abate de suínos sobe 5,9% no 2º trimestre ante 2º tri de 2019, diz IBGE

Rio, 13 – Enquanto o abate de bovinos registrou queda no segundo trimestre, o abate de suínos avançou, segundo os resultados preliminares das Pesquisas Trimestrais do Abate de Animais, do Leite, do Couro e da Produção de Ovos de Galinha, divulgados nesta quinta-feira, 13, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O abate de suínos somou 12,07 milhões de cabeças no segundo trimestre de 2020, um aumento de 5,9% em relação a igual trimestre de 2019 e de 1,6% frente ao primeiro trimestre de 2020.

Segundo o IBGE, o peso acumulado das carcaças registrou 1,10 milhão de toneladas, alta de 8,2% em relação ao segundo trimestre de 2019 e de 3,2% em comparação com o trimestre imediatamente anterior.

Já o abate de frangos recuou. No segundo semestre de 2020, foram abatidas 1,40 bilhão de cabeças de frango, redução de 1,6% em relação a igual trimestre de 2019 e queda de 7,2% frente ao primeiro trimestre de 2020.

Conforme o IBGE, o peso acumulado das carcaças foi de 3,21 milhões de toneladas, queda de 4,0% em relação ao segundo trimestre de 2019 e redução de 7,7% frente ao primeiro trimestre deste ano.

Picapes respondem por 12% dos recalls de 2019, aponta pesquisa
5 dicas para conservar (ou comprar) uma picape
As 10 picapes mais vendidas no Brasil em janeiro