Notícias

Agricultura confirma foco de peste suína clássica em Alagoas

Agricultura confirma foco de peste suína clássica em Alagoas

agropecuaria suinos suino revista dinheiro rural ed 82 foto shutterstock

São Paulo, 10 – O Ministério da Agricultura confirma o registro de um foco de peste suína clássica (PSC) no Estado de Alagoas, fora da zona livre reconhecida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). “O Estado de Alagoas faz parte da zona não livre de PSC, juntamente com outros dez estados (AM, RR, PA, AP, MA, PI, CE, RN, PB e PE) e essa nova ocorrência não interfere no status da zona livre de PSC reconhecida pela OIE, não justificando impactos no comércio internacional de suínos e seus produtos”, disse, em nota, o diretor substituto do Departamento de Saúde Animal da Secretaria de Defesa Agropecuária, Bruno Cotta.

O foco foi confirmado no município de Traipu, em criatório de suínos, sem vínculo com sistemas de produção tecnificados e já foi notificado à OIE, segundo a pasta. A última ocorrência de PSC em Alagoas havia sido registrada em 1994.

Desde a confirmação, a propriedade foi interditada e o serviço veterinário estadual realizou o sacrifício e destruição de todos os suínos da propriedade.