Notícias

Alibaba vira alvo de investigação e ação despenca mais de 8% em Hong Kong

A ação do Alibaba sofreu um tombo nesta quinta-feira, ampliando perdas recentes, à medida que a China ampliou a pressão sobre o gigante do e-commerce chinês.

O papel do Alibaba caiu 8,13% na Bolsa de Hong Kong hoje, a 228,20 dólares de Hong Kong, atingindo o menor patamar desde julho, após um pregão mais curto do que o normal nesta véspera de Natal. Desde o pico que atingiu no fim de outubro, a ação da varejista online acumula perdas de mais de 25%.

A queda veio após reguladores chineses anunciarem hoje que vão investigar o Alibaba por supostas práticas monopolistas. A iniciativa veio semanas depois de a China suspender uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) do Ant Group, afiliada de tecnologia financeira do Alibaba, em Hong Kong e em Xangai. Estimava-se que o IPO do Ant atingiria US$ 34 bilhões.

O banco central chinês, o PBoC, e outros reguladores também convocaram executivos do Ant para uma reunião.

Nos últimos meses, Pequim divulgou diretrizes antitruste preliminares para plataformas de internet, apontou que algumas empresas podem se tornar “grandes demais para falir” e as alertou que não desenvolvam práticas como as de precificação predatória, abuso de uso de dados de consumidores e venda de produtos fraudulentos.

Com Dow Jones

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?