Economia

Alta do arroz reflete aquecimento da demanda pelos mais frágeis, diz Guedes

Crédito: Arquivo / Agência Brasil

Para Guedes, isso é mais um sinal da recuperação em "V" da economia brasileira (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que a escalada do preço do arroz reflete um aquecimento da demanda dos mais frágeis e é mais um sinal da recuperação em “V” da economia brasileira da crise provocada pelo coronavírus. “Tem gente dizendo que a inflação dos mais pobres está subindo. O que está subindo é material de construção e alimentos, mais influenciados pelo auxílio emergencial. Na verdade, os sinais são bons, o aumento do arroz, dos alimentos, são um sinal de aquecimento da demanda.”

Além de relacionar o aumento dos preços à “enxurrada de dinheiro aos mais pobres”, o ministro disse que a alta também é resposta do avanço do dólar.

+ Arroz: praga da cigarrinha ameaça plantações no Vale do Paraíba
+ Tereza Cristina: preços do arroz voltarão a se equilibrar em janeiro com safra

Segundo o ministro, a alta de preços é temporária e vai motivar um aumento da produção. “Resposta da oferta vem já e alta de preços vai se dissolver.”

Guedes ainda mencionou que o arroz está vindo de outros países. “Está vindo arroz de todo lado agora, americano, tailandês e chinês.”

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais