Notícias

Após ajuste, Senado retira da pauta projeto que derruba portaria de ferrovias

Após um ajuste feito pelo Executivo, o Senado retirou da pauta desta quinta-feira a votação de um projeto que derruba a portaria do Ministério da Infraestrutura assinada para regulamentar o novo marco das ferrovias. A portaria foi editada no último dia 15 para regulamentar a medida provisória das ferrovias. Um dos objetivos do documento foi definir o que deve ser feito quando mais de uma empresa pede para erguer e administrar um mesmo trecho ferroviário – o que aconteceu com a VLI e a Rumo, dois importantes concorrentes do setor.

A norma, no entanto, causou críticas no Senado, que aprovou recentemente um projeto de lei sobre o mesmo tema. Após uma cobrança de parlamentares, o Executivo decidiu corrigir a portaria para evitar a derrubada no Congresso.

A alteração feita pelo governo deixa claro que, nos casos em que há mais de um requerente para o mesmo trecho ferroviário, o governo vai priorizar a análise de autorização de acordo com a chegada da documentação. Nesse caso, a prioridade não é para a outorga em si, mas, para a análise dos pedidos.

O relator do projeto que derruba a portaria no Senado, José Aníbal (PSDB-SP), pediu o adiamento da votação para aguardar o prazo de envio de informações do Executivo ao Tribunal de Contas da União (TCU) sobre a portaria.

O governo acredita que a correção é suficiente e que será possível prorrogar o prazo de vigência da MP das ferrovias, que termina inicialmente nesta quinta. “A portaria ajustada atende às preocupações que foram objeto de manifestação de diversos senadores”, disse o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?