Especial

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Inovação e tecnologia

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Inovação e tecnologia

Uma onda de investidores da nova economia chega ao campo para transformar, quebrar paradigmas e aportar financiamentos. Eles estão desenvolvendo o agronegócio do futuro

Cristina Palmaka 

Divulgação

A executiva Cristina Palmaka está mostrando o poder feminino no comando da SAP Brasil, uma das mais importantes subsidiárias da companhia globalmente, líder de mercado no ramo de softwares e aplicativos empresariais. Palmaka tem cerca de 25 anos de experiência no setor de tecnologia e lidera uma equipe de cerca de 1,5 mil funcionários para atender aproximadamente 4,5 mil clientes, ajudando-os na jornada de transformação digital. Para garantir o crescimento sustentável da empresa, ela aposta em inovação e governança corporativa.

Danilo Leão

Divulgação

O aplicativo de gestão e monitoramento de gado Bovcontrol tem ganhado cada vez mais o mundo. Além do Brasil, possui usuários espalhados nos Estados Unidos, México, Colômbia e África do Sul. Isso coloca seu fundador, o paulista Danilo Leão, 36 anos, na lista dos criadores das agtechs mais influentes do mundo. Por trás da companhia, estão investidores como Romero Rodrigues e Rodrigo Borges, os criadores do Buscapé. Com sede em São Paulo, a startup também está nos Estados Unidos.

Francisco Jardim

O executivo Francisco Jardim é uma das grandes personalidades do mercado de startups nacionais. Foi através de sua empresa, a paulista SP Ventures, que foi dado o pontapé inicial, em 2007, para a capitalização de empresas iniciantes em tecnologia. Hoje, a SP Ventures é uma referência para as startups do agronegócio e é neste setor que a operadora de fundos de capital de risco se dedica atualmente. Dos R$ 105 milhões do fundo, 70% estão direcionados para investir em inovações para o campo.

Mariana Vasconcelos

Se o futuro da agricultura mundial pede maior cuidado com o uso da água na hora de irrigar, um bom guia para isso é a tecnologia da Agrosmart. A mineira Mariana Vasconcelos, 25 anos, CEO da empresa, além de manter uma parceria com a Agência Espacial Americana (Nasa), agora estreita suas relações com a Organização das Nações Unidas. O plano é formar uma rede de embaixadores mirins para fomentar a agricultura digital no mundo, envolvendo-os na busca de inovações ao campo.

Pedro Englert

Gabriel Reis

Um dos sócios da XP Investimentos, companhia avaliada em cerca de R$ 6 bilhões, agora se volta para a nova economia mundial, atrelada às inovações tecnológicas da era digital, como big data, inteligência artificial e robótica. Pedro Englert, 37 anos, encabeça o time da Startse, empresa focada em conectar investidores com as melhores ideias para o campo.

Sergio Marcus Barbosa

Divulgação

Está nas mãos do agrônomo Sergio Marcus Barbosa a coordenação da incubadora EsalqTec, de Piracicaba (SP). Criada há 23 anos, a unidade foi a semente que fez surgir o Vale do Piracicaba, ao redor da Esalq/USP. Hoje, cerca de 70 empresas desenvolvem os seus projetos na incubadora em diversas áreas, entre elas TI, biocombustíveis e defensivos biológicos.

 

Leia mais

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Proteína animal

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Bioenergia

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Cooperativas

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Entidades do agronegócio

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Universidade e pesquisa

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Iniciativa sustentável

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Insumos

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Finanças

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Governo

As 100 personalidades mais influentes do agronegócio: Consultorias