Notícias

BC da Colômbia decide manter juros em 1,75% e alerta para questão fiscal

O Banco Central da Colômbia decidiu nesta sexta-feira manter a taxa básica de juros em 1,75%. Em comunicado, a instituição informa que a decisão foi adotada por seis votos a um.

O BC colombiano diz que sua equipe técnica revisou a expectativa para crescimento da Colômbia em 2021, de 5,2% a 6%, diante do desempenho melhor do que o esperado no primeiro trimestre.

Por outro lado, novos surtos da pandemia da covid-19, com intensidade e duração incertas, “bem como a incerteza na frente fiscal, poderiam alterar esta projeção”, nota.

Para o BC, caso não se consiga um ajuste fiscal necessário, isso pode aumentar o custo do financiamento público, o que limitaria o espaço da política monetária para continuar a apoiar a recuperação da economia e do emprego.

O voto dissidente entre os dirigentes foi por um corte de 25 pontos-base na taxa de juros, diz o comunicado.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

BC Colômbia juros