Notícias

Biosev começará moagem em usinas do Centro-Sul na 1ª semana de março

Ribeirão Preto, 9 – O presidente da Biosev, Rui Chammas, afirmou, ao Broadcast Agro (serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado), que o calendário de moagem da safra 2018/2019 da companhia prevê o início do processamento nas oito unidades do Centro-Sul entre a primeira semana e ao longo da primeira quinzena de março. O executivo reafirmou que a prioridade máxima será a produção de etanol, por causa da demanda e preços aquecidos, ao contrário do cenário atual do açúcar.

A Biosev iniciou dezembro com estoques de 300 milhões de litros do biocombustível, menos do que em igual período do ano passado. Com a demanda aquecida, a empresa estima vender o etanol produzido em março durante o próprio mês. A companhia tinha um mix de destino de cana-de-açúcar em 51% para o etanol ao fim de 2017 e, apesar de achar que a safra 2018/2019 possa ser inteira com o perfil alcooleiro, ainda não há uma previsão para o mix na próxima safra.

Chammas reafirmou que a prioridade da Biosev permanece na redução de custos e que investimentos operacionais serão feitos justamente nessa linha, sem previsão de aportes em aumento de produção.

O executivo elogiou a nova política de biocombustíveis do País, o RenovaBio, sancionada no fim do ano passado pelo presidente Michel Temer, cuja regulamentação deve ser feita ainda neste semestre. “Finalmente temos um projeto de política nacional de longo prazo, importante para setor, vai trazer riqueza atendendo redução de carbono, gerar demanda de combustível no longo prazo e previsibilidade” disse. “Assim que tiver regulamentado, os investimentos voltarão”, completou.