Notícias

Bolsas da Ásia fecham majoritariamente em baixa, após decepção com PIB chinês

As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em baixa nesta segunda-feira, 18, após a China divulgar números de crescimento mais fracos do que se esperava, realimentando temores sobre o grau de recuperação da economia global após os impactos da pandemia de covid-19.

O índice chinês Xangai Composto recuou 0,12% hoje, a 3.568,14 pontos, enquanto o japonês Nikkei caiu 0,15% em Tóquio, a 29.025,46 pontos, o sul-coreano Kospi se desvalorizou 0,28% em Seul, a 3.006,68 pontos, e o Taiex registrou perda de 0,45% em Taiwan, a 16.705,46 pontos.

O Produto Interno Bruto (PIB) da China teve expansão anual de 4,9% no terceiro trimestre, menor do que o avanço de 5,1% esperado por analistas e mostrando forte desaceleração em relação ao aumento de 7,9% visto no segundo trimestre. Os últimos números chineses de produção industrial também decepcionaram em meio à recente crise energética, mas os de vendas no varejo surpreenderam positivamente.

Alguns mercados da Ásia, porém, tiveram leves ganhos nesta segunda. O Shenzhen Composto, índice chinês formado por empresas de menor valor de mercado, terminou o pregão em alta marginal de 0,06%, a 2.402,04 pontos, e o Hang Seng subiu 0,31% em Hong Kong, a 25.409,75 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana também ficou no azul, favorecida por ações dos setores minerador e bancário. O S&P/ASX 200 avançou 0,26%, a 7.381,10 pontos. Com informações da Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?