Notícias

Bolsas da Europa fecham em queda com negociação parada por pacote fiscal nos EUA

As bolsas da Europa fecharam em queda nesta quinta-feira, 13, com investidores de olho no impasse nas negociações entre o governo dos Estados Unidos e lideranças oposicionistas no Congresso por uma nova rodada de estímulos fiscais. O índice pan-europeu Stoxx 600 encerrou em baixa de 0,63%, a 372,53 pontos.

“As ações europeias devolveram parte dos ganhos dos últimos dias, depois que a presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, lançou dúvidas sobre a perspectiva de um plano de acordo de estímulo em um futuro próximo”, explicou o analista Michael Hewson, da CMC Markets.

Em entrevista coletiva, Pelosi afirmou que não sabe quando retomará as negociações com a Casa Branca. Democratas querem um pacote mais robusto do que o proposto pelos republicanos, com valor mínimo US$ 2 trilhões. A legenda governista, no entanto, tem sido firme na oposição ao repasse de recursos para estados e municípios.

Com a política em um beco sem saída em Washington, o índice FTSE 100, de Londres, cedeu 1,50%, a 6.186,62 pontos. No Reino Unido, o principal negociador britânico para a retirada do país da União Europeia, David Frost, demonstrou otimismo de que haverá um acordo sobre o Brexit em setembro.

Em Paris, o índice CAC 40 recuou 0,61%, a 5.042,38 pontos. A ação da Air Bus caiu 2,16%, um dia após os EUA anunciarem, ontem, a manutenção das tarifas de 15% sobre aeronaves e de 25% para outros produtos da UE.

Nas demais praças, o índice DAX, de Frankfurt, se desvalorizou 0,50%, a 12.993,71 pontos, enquanto o FTSE MIB, de Milão, baixou 0,88%, a 20.257,31 pontos. Nos mercados ibéricos, o IBEX 35, de Madri, caiu 0,62%, a 7.250,50 pontos, e o PSI 20, de Lisboa, registrou variação negativa de 0,06%, a 4.479,11 pontos.

(COM INFORMAÇÕES DA DOW JONES NEWSWIRES)

Picapes respondem por 12% dos recalls de 2019, aponta pesquisa
5 dicas para conservar (ou comprar) uma picape
As 10 picapes mais vendidas no Brasil em janeiro