• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias10/11/2021

Bolsas de NY fecham em baixa, com CPI acima do esperado e Treasuries

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo10/11/21 - 18h52min

As bolsas de Nova York fecharam em alta hoje, em sessão marcada pela divulgação da inflação ao consumidor nos Estados Unidos em outubro, que registrou um avanço acima do esperado por analistas. Além dos temores com a alta dos preços, um dos efeitos foi um avanço nos rendimentos dos Treasuries, o que tende a pressionar especialmente as ações de tecnologia.

No fechamento, o Dow Jones caiu 0,66%, a 36.079,94 pontos, o S&P 500 cedeu 0,82%, a 4.646,71 pontos, e o Nasdaq teve baixa de 1,66%, a 15.622,71 pontos.

"Um relatório de inflação quente fez com que as ações dos EUA voltassem provisoriamente para as baixas da sessão, já que as pressões de preços parecem estar piorando", aponta Edward Moya, analista da Oanda.

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos EUA subiu 0,9% em outubro ante setembro veio bem acima da mediana das previsões de analistas consultados pelo Projeções Broadcast, de alta de 0,6%. Na comparação anual, o CPI teve alta de 6,2% em outubro, acima da projeção de avanço de 5,9%. O núcleo teve incremento de 4,6%, o maior desde 1991, superando o avanço esperado de 4,3%.

"Os rendimentos dos Treasuries aumentaram à medida que cresce o argumento de que o Federal Reserve (Fed) pode estar cometendo um erro de política econômica", aponta Moya. Neste quadro, Facebook (-2,30%), Amazon (-2,62%) e Alphabet (-2,03%), que controla a Google, tiveram importantes recuos.

Por outro lado, Moya indica que "a robusta demanda por veículos elétricos ajudou a entregar uma recuperação significativa com as ações da Tesla", que teve alta de 4,34%, depois de despencar nos últimos dias por conta de comentários de seus CEO, Elon Musk. Além disso, houve uma demanda "forte" para o IPO da Rivian Automotive, que disparou 29,14% hoje em sua estreia na Nasdaq.

Já a General Electric recuou 2,09%, depois de disparar na última sessão seguindo anúncio de reestruturação da empresa. Com publicação de balanço marcada para depois do fechamento do mercado, a Walt Disney caiu 0,38% com a expectativa.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais