Geral

Cidade de São Paulo entra em estado de alerta para alagamentos

Crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil

Há seis pontos de alagamento na capital neste momento, um deles intransitável, na Avenida Rubem Berta, em Moema, zona sudeste da capital (Crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Em mais um dia de chuvas fortes, a cidade de São Paulo entrou em estado de atenção para alagamentos, com exceção da zona norte, não atingida pelas chuvas. Na região do Ipiranga foi registrado novamente o transbordamento do Córrego Ipiranga, assim como ocorreu ontem (18), o que fez com que a região voltasse a entrar em estado de alerta para alagamentos.

Há seis pontos de alagamento na capital neste momento, um deles intransitável, na Avenida Rubem Berta, em Moema, zona sudeste da capital.

+ Ceagesp prevê normalização do abastecimento de hortifrutis ‘até final de semana’
+ Ceagesp vai reabrir às 14h desta quarta-feira

 

As chuvas, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE), foram formadas pelo calor e a entrada de umidade. Segundo previsão dos meteorologistas do CGE, as próximas horas seguem com chuvas isoladas de até forte intensidade com potencial para formação de alagamentos, descargas elétricas e lento deslocamento.

O Corpo de Bombeiros já registra quedas de árvores. Durante as chuvas de ontem (18), os Bombeiros atenderam 26 chamados relacionados a enchente, dois chamados para desabamentos e 66 quedas de árvores.

Cidade de São Paulo entra em estado de alerta para alagamentos