Evento

Organizadores da Agrishow estimam R$ 2,7 bilhões em negócios

Organizadores da Agrishow estimam R$ 2,7 bilhões em negócios

O texto enviado anteriormente continha incorreções. O volume estimado de negócios na 25ª Agrishow iguala o recorde de 2014, que também foi de R$ 2,7 bilhões, e não supera, como estava escrito anteriormente. Segue versão corrigida, inclusive com o número correto referente a 2014:

Ribeirão Preto, 04 – A movimentação de negócios durante a 25ª Agrishow, encerrada nesta sexta-feira, 4, em Ribeirão Preto (SP), deve alcançar R$ 2,7 bilhões, informaram os organizadores. Este valor representa uma alta de 22,7% ante os R$ 2,2 bilhões de 2017, supera a estimativa inicial de R$ 2,3 bilhões em negócios e iguala o recorde de 2014, de R$ 2,7 bilhões.

Só o Banco do Brasil relatou, antes do encerramento do dia, R$ 1,5 bilhão em negócios durante a Agrishow, ante um total de R$ 1,15 bilhão de 2017. O DLL, banco de fábrica de 14 montadoras que operam na feira, informou que até esta sexta-feira pela manhã foram apresentadas propostas de R$ 150 milhões, 68,5% mais que os R$ 89 milhões registrados no ano passado.

Os organizadores divulgaram ainda a expectativa de aumento na intenção de compra por setores, com crescimento de 25% no de máquinas para grãos, frutas e cafés, de 15% para armazenagem, de 14% para irrigação e de 8% para pecuária.

Já o cálculo do público que visitou a feira ainda não foi finalizado, mas avaliação parcial é de que o total tenha sido semelhante às 159 mil pessoas da edição passada. Em 2019, a maior feira de agronegócios da América Latina será realizada de 29 de abril a 3 de maio.