O Campo em números

Cota de importação de etanol sem tarifa é elevada para 750 milhões de litros

Crédito: Divulgação

Etanol: biocombustível subiu em seis Estados e ficou estável em dois: Amapá e Paraíba (Crédito: Divulgação)

O Brasil poderá importar 750 milhões de litros de etanol com isenção de tarifa, conforme a Portaria 547, do Ministério da Economia, publicada em edição extra do Diário Oficial da União do último sábado (31).

A cota anterior era de 600 milhões de litros de etanol por ano. A nova cota foi discutida entre os ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Economia e das Relações Exteriores. A portaria altera a Resolução nº 125, de 15 de dezembro de 2016.

Atualmente, o imposto de importação para o etanol é de 20%, mas a tarifa só é cobrada se o país ultrapassar a cota. Dentro do limite, a tarifa é zero para qualquer país. De acordo com dados de 2018, 99,7% das importações brasileiras de etanol vêm dos Estados Unidos.

A nova cota já está em vigor, com validade de 12 meses, a partir do dia 31 de agosto.

 

 

Picapes respondem por 12% dos recalls de 2019, aponta pesquisa
5 dicas para conservar (ou comprar) uma picape
As 10 picapes mais vendidas no Brasil em janeiro