• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias22/09/2021

Demanda por crédito cai 7,9% em agosto ante julho, a maior retração do ano

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo22/09/21 - 15h12min

A busca pelo recurso financeiro caiu 7,9% em agosto na comparação com julho, de acordo com o Indicador de Demanda do Consumidor por Crédito da Serasa Experian. O número representa a maior queda de deste ano, que tinha registrado outra baixa apenas em janeiro, de 4,2%. Todos os segmentos analisados tiveram retração, com destaque para a Indústria, que teve o tombo mais expressivo, com baixa de 12,1%. Já a análise por porte revela que os grandes negócios caíram 19,3%, movimento que não acontecia desde janeiro de 2018, quando as empresas desse porte marcaram -19,6%.

Na avaliação do economista da Serasa Experian Luiz Rabi, a queda é reflexo do sentimento de insegurança que se fortaleceu no começo de agosto, com o aumento da inflação, instabilidade política e crise hídrica. "Muitos empresários tendem a esperar um momento mais favorável para procurar pelo recurso que, principalmente para o setor de Indústria e para as grandes empresas, poderia ser usado para investir no aumento da produção".

Na visão por região, todas registraram baixa na busca por crédito: Centro-Oeste, com baixa de 9,4%; Sul, com -8%; Sudeste, com -7,8%; Nordeste, com -7,4%; e Norte, com -6,5%.

Já na análise anual, de agosto de 2021 com o mesmo período do ano anterior, houve aumento de 28,2% na demanda por crédito das empresas. O destaque é para os micro e pequenos negócios, que cresceram mais do que a média anual.

Na análise por setor, todos marcaram números positivos, sendo que o de Serviços teve a maior expansão, de 34,4%. Já para as regiões brasileiras, o Norte registrou a alta mais expressiva, com 30,7%.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
agosto