• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias25/12/2021

Demanda por crédito cai 8% em novembro com decepção por Black Friday

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo25/12/21 - 12h44min

A busca por financiamento no Brasil caiu 8% em novembro, na comparação com outubro (alta de 8%), interrompendo uma série de seis aumento consecutivos, segundo o Índice Neurotech de Demanda por Crédito (INDC). Em relação a novembro de 2020, contudo, houve crescimento de 13%.

O recuo mensal contrariou as expectativas de que as promoções da Black Friday serviriam de alavanca para o indicador de crédito. "Temos um movimento sazonal aqui, porque no passado também houve uma leve queda em novembro em relação a outubro", afirma o diretor de Produtos e Sucesso do Cliente da Neurotech, Breno Costa. De todo modo, acrescenta, as promoções do varejo que antecedem as vendas natalinas não tiveram efeito relevante como o esperado.

"Na comparação anual a tendência de alta foi mantida e sempre fica a esperança do Natal. A prévia de dezembro já dá sinais de desempenho positivo", adianta Costa. No confronto com novembro do ano passado, o crescimento do índice de crédito foi puxado pelo setor de serviços, com avanço de 142%.

Já em relação a outubro de 2021, o varejo foi destaque, ao apresentar alta de 11%. Por segmento, os maiores incrementos foram registrados em Eletroeletrônicos (51%) e Outros (79%). Supermercados tiveram aumento de apenas 1%. Vestuário, Móveis e Lojas de Departamento caíram 5%, 7% e 13%, respectivamente. Já a demanda por crédito no setor de bancos caiu 4% em novembro.

A Neurotech ressalta que o adiantamento do 13º salário também leva à redução da necessidade de crédito. "É um movimento sazonal esperado pelo segmento de bancos e financeiras. Estamos vendo a realidade bater à porta e a demanda se arrefecer, mas é esperada uma retomada a partir de janeiro, o que também é um movimento sazonal", explica Costa.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
Black Friday