Notícias

Derrubar veto a reajuste de servidores pode impactar auxílio, diz Barros

O novo líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), afirmou que a derrubada do veto ao reajuste de salários de servidores durante a pandemia pode impactar na prorrogação do auxílio emergencial. Ele disse que as novas parcelas do benefício, ainda sem valor definido, deverão ser anunciadas “eventualmente” pelo presidente Jair Bolsonaro.

Barros concedeu entrevista coletiva ao lado do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e outros líderes. “Essa decisão é muito importante hoje, porque o presidente vai anunciar eventualmente uma prorrogação do auxílio emergencial e este impacto pode, vai certamente mudar a possibilidade dos valores e do prazo que esse auxílio pode ser prorrogado”, afirmou. “Estamos muito empenhados em conseguir os votos para manter o veto.”

Assim como o presidente da Câmara, Barros também reforçou a defesa à manutenção do teto de gastos. “Não queremos furar o teto, nós precisamos conter as despesas. Se a despesa cresce, vai encostar no teto. Se nós furamos o teto, nós vamos ter aumento de juros.”

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais