Sustentabilidade

Energia Social leva música e cinema aos municípios de Glória de Dourados e Deodápolis

Promovido pela Atvos, programa é ampliado e passa a apoiar 77 projetos em 11 municípios do Brasil

Energia Social leva música e cinema aos municípios de Glória de Dourados e Deodápolis

Está no DNA da Atvos desenvolver projetos sociais. Entre os exemplos estão o Florestinha, desenvolvido em Costa Rica (MS). A iniciativa promove a educação ambiental na região, trabalhando com crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade

O Programa Energia Social, da Atvos, acaba de aprovar dois novos projetos que receberão apoio da empresa para serem realizados nos municípios de Glória de Dourados e Deodápolis (MS). As iniciativas foram escolhidas por meio das Comissões Temáticas de Educação e Cultura junto aos Conselhos Comunitários dos municípios, compostos por representantes das prefeituras, líderes comunitários e da empresa.

“Esses novos projetos visam atender a demanda dessas comunidades por lazer e cultura”, explica Mônica Alcântara, responsável por Sustentabilidade na Atvos.

Um dos projetos será a Reativação da Banda Marcial de Glória de Dourados, que tem como objetivo promover a socialização e a integração dos jovens com a música, além de resgatar a cultura do município. A expectativa é atender anualmente 50 crianças e jovens a partir dos 8 anos.

A outra iniciativa aprovada é o Cinema Itinerante, que oferecerá aos moradores de Deodápolis a oportunidade de terem acesso a filmes voltados a temas como responsabilidade social, direitos humanos, desenvolvimento comunitário, educação, meio ambiente, cultura e entretenimento. O projeto utiliza o cinema como linguagem transversal e ajuda a complementar a educação e desenvolver a consciência crítica.

“Elegemos na reta final de 2018 os representantes da Comissão Temática de Educação e Cultura constituída por pessoas da comunidade e, em pouco tempo, já consolidamos duas ações que serão implementadas. Queremos fomentar o desenvolvimento social dos nossos municípios e acreditamos que muitos outros projetos ainda surgirão”, diz Marcelo Fiomari, superintendente do Polo Eldorado, que está instalado na região.

Com os dois novos projetos, o Energia Social já soma 77 iniciativas nos 11 municípios onde está presente, com benefício direto a mais de 150 mil pessoas. O programa tem como objetivo contribuir com o desenvolvimento sustentável das regiões onde a Atvos atua, além de integrar e fortalecer os laços da empresa com a comunidade, entendendo as necessidades e as prioridades locais para a definição dos investimentos.