Notícias

Entregas de fertilizantes no Brasil caem 27,3% em maio, diz Anda

São Paulo, 12 – As entregas de fertilizantes para o consumidor final diminuíram 27,3% em maio na comparação com igual mês de 2017, somando 1,782 milhão de toneladas, segundo a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda). Conforme a entidade, o resultado negativo é “reflexo da paralisação dos transportadores rodoviários”. As entregas nos cinco primeiros meses do ano também caíram, 4% na comparação anual, para 9,843 milhões de toneladas.

A produção nacional de fertilizantes intermediários em maio foi 7,9% menor que em igual mês do ano passado, totalizando 642,8 mil toneladas, dando sequência a quedas de produção verificadas em abril e março. No acumulado dos cinco meses de 2018, o volume produzido, de 3,123 milhões de t, foi 5,3% menor do que no mesmo intervalo do ano passado.

O total importado em maio, de 1,889 milhão de t, ficou 8,5% abaixo do volume trazido do exterior em maio de 2017. A quantidade desembarcada entre janeiro e maio foi 11,5% menor do que um ano atrás, somando 8,288 milhões de t.

No ano passado, o total de fertilizantes entregues ao mercado brasileiro subiu apenas 1% em relação ao volume de 2016, chegando a 34,4 milhões de toneladas, segundo a Anda. A indústria encerrou 2017 com 5,533 milhões de t armazenadas, 9,1% acima dos 5,070 milhões de t ao fim de 2016, conforme a entidade.