Negócios

Entregas de fertilizantes no Brasil devem crescer 1,9% em 2020, diz INTL FCStone

Crédito: Divulgação

São Paulo, 7 – As entregas de fertilizantes no mercado brasileiro devem crescer 1,9% em 2020, para 36,9 milhões de toneladas, estima a INTL FCStone. A perspectiva, segundo a consultoria, leva em conta a estimativa de uma área plantada recorde para o milho safrinha 2019/20. As entregas devem ficar mais aquecidas no primeiro trimestre do ano, especialmente de nitrogenados e potássicos, em virtude da semeadura do cereal.

Quanto ao volume a ser importado de adubos, a consultoria projeta queda de 4,2% comparação anual, para 27 milhões de toneladas. Em 2019, a importação atingiu recorde, com 28,15 milhões de toneladas adquiridas do mercado externo.

“A queda dos preços internacionais dos adubos ao longo do segundo semestre do ano precedente corroborou para a formação de estoques domésticos confortáveis, com os agentes aproveitando as menores cotações para assegurarem carregamentos antes da temporada de adubações”, observa a analista de Inteligência de Mercado da INTL FCStone, Gabriela Fontanari.

A consultoria acrescenta que a paralisação da operação da Mosaic no ano passado também contribuiu para maior importação de adubos – cenário que deve ser normalizado neste ano.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?