Notícias

Escassez no mercado de trabalho cairá com fim da pandemia, diz dirigente do Fed

Presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Atlanta, Raphael Bostic disse que se mantém otimista quanto ao cenário do mercado de trabalho dos Estados Unidos. Ele projetou que a escassez de trabalhadores deve relaxar nos próximos meses, à medida que a pandemia de coronavírus ficar para trás.

“A maioria dos americanos quer trabalhar, mas de uma maneira que faça sentido para eles. À medida que pandemia acabar, veremos empregos voltando”, afirmou o dirigente durante evento organizado pelo The Hill nesta terça-feira.

Segundo ele, a crise sanitária nos EUA ainda deixa as pessoas receosas para buscar emprego.

Bostic ainda afirmou que pelo menos 25% da lacuna de trabalhadores que não voltaram à força de trabalho está relacionada à mães que precisam cuidar de filhos abaixo de seis anos.

Para resolver a questão da escassez de oferta no emprego a longo prazo, Bostic disse que será importante em investir na especialização da força de trabalho americana e melhorar as condições aos trabalhadores.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais