• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias14/01/2022

Estado do Rio suspende cirurgias não urgentes por 30 dias após avanço da Ômicron

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo14/01/22 - 16h25min

O aumento de casos positivos de covid-19 no Estado e o alto índice de profissionais da saúde infectados pela doença fez o governo do Rio suspender as cirurgias eletivas (não urgentes) em todos os 92 municípios a partir da próxima semana. A medida tem previsão inicial de durar por 30 dias, prazo que poderá ser revisto de acordo com a situação epidemiológica do Estado.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, um em cada cinco profissionais que atendem em unidades do Estado está afastado por causa da covid-19. "Excepcionalmente neste momento, por conta da alta incidência da covid aqui no Estado, com acometimento tanto dos profissionais de saúde como de pacientes internados, deliberamos a suspensão da cirurgia eletiva por um período de até 30 dias. Obviamente, isso pode ser revisto num período anterior", declarou o secretário Alexandre Chieppe.

"Isso visa a proteger eventuais pessoas que vão se internar para cirurgias que podem ser postergadas, para evitar que elas venham a se infectar, e também pelo fato de a gente ter uma parte importante dos profissionais de saúde afastados por conta da infecção", sustentou Chieppe. A pasta informou que o detalhamento das ações será informado "nos próximos dias".

Conformo o Estadão mostrou nesta sexta-feira, 14, pelo menos 13 Estados tiveram alta no número de internações por covid-19 ou suspeita da doença em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e enfermarias na comparação com o fim do ano passado. O aumento das hospitalizações ocorre após as festas de fim de ano e em meio ao avanço das contaminações pela variante Ômicron, mais transmissível.

No Rio, as solicitações de leitos à central de regulação estadual, que estavam na média de 14 por dia, em dezembro, passaram para 51, em média, em janeiro.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais