• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias28/04/2022

Estoque de crédito subiu 0,8% em fevereiro ante janeiro para R$ 4,711 tri, diz BC

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo28/04/22 - 10h37min

O estoque total de operações de crédito do sistema financeiro subiu 0,8% em fevereiro ante janeiro, para R$ 4,711 trilhões, informou nesta quinta-feira, 28, o Banco Central. Em 12 meses, houve alta de 16,6%. Em fevereiro ante janeiro, houve alta de 0,7% no estoque para pessoas físicas e elevação de 1,0% no estoque para pessoas jurídicas.

De acordo com o BC, o estoque de crédito livre avançou 1,1% em fevereiro, enquanto o de crédito direcionado apresentou alta de 0,4%.

No crédito livre, houve alta de 0,5% no saldo para pessoas físicas no mês passado. Para as empresas, o estoque também avançou 1,9% no período.

O BC informou ainda que o total de operações de crédito em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) permaneceu em 53,3% na passagem de janeiro para fevereiro.

Habitação e veículos

O estoque das operações de crédito direcionado para habitação no segmento pessoa física cresceu 0,9% em fevereiro ante janeiro, totalizando R$ 828,642 bilhões, informou o Banco Central.

Em 12 meses até fevereiro, o crédito para habitação no segmento pessoa física subiu 14,5%.

Já o estoque de operações de crédito livre para compra de veículos por pessoa física subiu 0,7% em fevereiro ante janeiro, para R$ 244,050 bilhões. Em 12 meses, houve alta de 9,0%.

Setores

O saldo de crédito para as empresas do setor de agropecuária caiu 1,3% em fevereiro, para R$ 39,585 bilhões, informou o Banco Central.

Já o saldo para a indústria avançou 1,0%, para R$ 769,192 bilhões. O montante para o setor de serviços teve alta de 1,5%, para R$ 1,148 trilhão.

No caso do crédito para pessoa jurídica com sede no exterior e créditos não classificados (outros), o saldo caiu 4,4%, aos R$ 6,456 bilhões.

Setor não financeiro

O saldo do crédito ampliado ao setor não financeiro subiu 0,5% em fevereiro ante janeiro, para R$ 13,593 trilhões. O montante equivale a 153,7% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, conforme dados divulgados pelo Banco Central.

O crédito ampliado inclui, entre outras, as operações de empréstimos feitas no âmbito do Sistema Financeiro Nacional (SFN) e as operações com títulos públicos e privados. A medida permite uma visão mais ampla sobre como empresas, famílias e o governo geral estão se financiando, ao abarcar não apenas os empréstimos bancários.

No caso específico de empresas, o saldo do crédito ampliado caiu 1,0% em fevereiro ante janeiro, para R$ 4,573 trilhões. O montante equivale a 51,7% do PIB.

BNDES

O saldo de financiamentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para empresas teve baixa de 0,8% em fevereiro ante janeiro, somando R$ 368,264 bilhões, informou o Banco Central. Em 12 meses, a queda acumulada é de 4,3%.

Em fevereiro, houve alta de 2,2% nas linhas de financiamento agroindustrial do BNDES, queda de 0,9% no financiamento de investimentos e crescimento de 3,8% no saldo de capital de giro.

Concessões

As concessões dos bancos no crédito livre caíram 1,1% em fevereiro ante janeiro, para R$ 364,5 bilhões, informou o Banco Central. No acumulado dos últimos 12 meses até fevereiro, a alta foi de 25,9%. Estes dados não levam em conta ajustes sazonais.

Em fevereiro, no crédito para pessoas físicas, as concessões caíram 2,4%, para R$ 187,4 bilhões. Em 12 meses até fevereiro, há alta de 25,2%.

Já no caso de pessoas jurídicas, as concessões subiram 0,4% em fevereiro ante janeiro, para R$ 177,0 bilhões. Em 12 meses até fevereiro, o avanço é de 26,6%.

Trégua da greve dos servidores

Com a trégua na greve dos servidores do BC, a autarquia começou a atualizar boletins e divulgações que estavam atrasadas, como as estatísticas monetárias e de crédito. Mas os dados apresentados nesta quinta ainda estão defasados.

As informações de fevereiro deveriam ter sido conhecidas no final do mês passado. Nesta quinta, era para ser divulgado o resultado de março.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
BC