Carreira

EUA: Starbucks anuncia que Howard Schultz deixará presidência no fim do mês

Nova York, 04/06 – A Starbucks anunciou nesta segunda-feira que seu presidente executivo Howard Schultz deixará o cargo no dia 26 de junho. O executivo será sucedido Myron E. Ullman, até então membro do Conselho de Diretores, conforme o comunicado. A saída deve alimentar os rumores de que Schultz estaria se preparando para concorrer a algum cargo político, dizem fontes.

Nos últimos meses, a Starbucks esteve envolvida em denúncias de que alguns funcionários da rede trataram indevidamente pessoas negras. Um vídeo publicado online recentemente mostra vários policiais algemando dois homens negros em uma loja da Starbucks na Filadélfia, enquanto clientes dizem que eles não estavam fazendo nada e perguntam por que eles estão sendo presos. A Starbucks recebeu várias críticas após a divulgação do vídeo e o CEO da rede, Kevin Johnson, pediu desculpas pelo incidente. Os homens foram liberados mais tarde.

Após o incidente, a companhia promoveu uma nova política declarando que todos são bem-vindos em suas lojas. Funcionários de mais de 8 mil lojas próprias e escritórios nos Estados Unidos receberam treinamento sobre como evitar situações de preconceito racial.

A postura adotada por Schultz no episódio levou políticos, colunistas e outras personalidades do país a especularem se ele poderia vir a concorrer a um cargo político. Em carta a funcionários publicada nesta segunda-feira, Schultz disse que planeja escrever um livro sobre o trabalho social da Starbucks e seus esforços para redefinir o papel de uma empresa. “Estarei pensando em uma gama de opções para mim, da filantropia ao serviço público, mas estou longe de saber o que o futuro reserva.” Fonte: Dow Jones Newswires.