Economia

Exportação de carne bovina do Brasil para a China aumenta 124% no 1º tri, aponta a CNA

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

Carne para exportação: China continua sendo a principal compradora - pelo continente e por Hong Kong -, com um crescimento de 10% nas compras em novembro (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

As vendas para o principal comprador de carne bovina do Brasil aumentaram no primeiro trimestre mesmo com o impacto da pandemia do coronavírus. O valor das exportações da proteína para a China expandiu 124,7% no primeiro trimestre, em relação a igual período do ano anterior.

Segundo levantamento da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), com base nos dados da balança comercial da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia, essas e vendas atingiram US$ 767,55 milhões.

+ Exportações de carne bovina somaram 125,9 mil toneladas em março
+ Abiec afirma que abastecimento de carne bovina está garantido 

Como resultado, o Brasil registrou um avanço de 29,9% nas vendas ao exterior de carne bovina. Ao todo, esses embarques geraram US$ 1,6 bilhão entre janeiro e o fim de março.

 

 

 

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?