Notícias

Exportações de café solúvel sobem 5% ante setembro de 2018, diz Abics

São Paulo, 9 – As exportações brasileiras de café solúvel aumentaram 5% em setembro deste ano ante igual mês de 2018, para 323.124 sacas de 60 quilos. A receita no mês, entretanto, recuou 2% no período, para US$ 47,2 milhões. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 9, pela Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics).

No acumulado dos nove primeiros meses de 2019, o País exportou 2.996.829 sacas, 9,95% a mais do que há um ano.

“Esse crescimento constante reflete os esforços das indústrias de café solúvel no sentido de ampliar o leque de clientes no exterior”, disse, em comunicado, o diretor de Relações Internacionais da Abics, Aguinaldo Lima.

Ele estima que o País possa bater seu recorde histórico de volume exportado, chegando a 4 milhões de sacas. A receita em 2019 até aqui, no entanto, caiu 2% em comparação com 2018, para US$ 440,5 milhões. “Trata-se de um cenário compreensível, haja vista a redução no preço do café no mercado internacional”, opinou ele. Os principais destinos do solúvel brasileiro foram Estados Unidos, Rússia e Indonésia.