• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias16/05/2022

Ferrari é flagrada a 214 km/h em rodovia do interior de SP e indica racha

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo16/05/22 - 14h03min

Uma Ferrari foi flagrada a 214 km por hora pelo radar da Polícia Militar Rodoviária, na manhã de domingo, 15, na rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto (SP-300), em Jundiaí, interior de São Paulo. O registro foi feito por um radar móvel, operado por um policial rodoviário. O condutor, que não chegou a ser abordado pelo agente de segurança, terá de pagar multa no valor de R$ 880,41. Ele ainda terá a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa, mas pode entrar com recurso.

Um pouco antes da Ferrari, o radar havia registrado a passagem de uma McLaren a 185 km/h. Também foram autuados um Mustang, a 205 km/h, e uma BMW, a 186 km/h. No local, a velocidade máxima permitida é de 100 km/h, mas há trechos em que a estrada corta áreas urbanas e a máxima é de 80 km/h.

Conforme o comando do 4º Batalhão de Policiamento Rodoviário, que realizou a operação, foram multados 256 veículos, entre eles esportivos de grande potência, como Porsche e Camaro. Alguns automóveis foram parados vários quilômetros adiante e os motoristas, além de multados, foram advertidos por estarem colocando em risco a própria vida e de outras pessoas.

A operação se estendeu às rodovias Anhanguera e Bandeirantes, que nos fins de semana têm sido pontos de encontro para donos de motocicletas potentes e de veículos esportivos. Além dos carros, ao menos 60 motos foram multadas.

De acordo com a concessionária AB Colinas, que administra a rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, a estrada é dotada de radares, o que não impede que a Polícia Rodoviária realize operações, pois tem a competência para fiscalizar e autuar as infrações de trânsito. A Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) informou que a fiscalização do excesso de velocidade compete à Polícia Militar Rodoviária.

A PM Rodoviária informou que a "Operação Speed", realizada no domingo, tem como objetivo encerrar a prática de rachas e potencializar a percepção de segurança aos usuários da rodovia. A ação contou com o apoio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

Já o DER disse que trabalha para a diminuição das infrações de trânsito e a fiscalização é feita por radar controlador (fixo) 24 horas e pela Polícia Rodoviária, por meio de radares portáteis. "O DER vai enviar equipes ao local para verificar a necessidade de reforço na sinalização e estudar a possibilidade de novos radares", disse, em nota.

Conforme o órgão estadual, o Código de Trânsito Brasileiro, em seu artigo 308, prevê detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de dirigir veículo automotor, em caso de participação, "em via pública, de corrida, disputa ou competição automobilística ou ainda de exibição ou demonstração de perícia, em manobra de veículo automotor não autorizada pela autoridade competente".

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
fiscalização