• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias30/08/2021

Governo Central tem déficit de R$ 19,829 bilhões em julho, diz Tesouro

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo30/08/21 - 15h15min

As contas do Governo Central registraram déficit primário em julho, conforme divulgação realizada nesta segunda-feira, 30, pelo Tesouro Nacional. No mês passado, a diferença entre as receitas e as despesas ficou negativa em R$ 19,829 bilhões. O resultado - que reúne as contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central - foi o terceiro pior desempenho para o mês da série, que tem início em 1997.

Em julho de 2020, o resultado havia sido negativo em R$ 87,886 bilhões, com grande impacto de gastos e renúncias de receitas por conta da pandemia do coronavírus.

O déficit do mês passado foi menor que as expectativas do mercado financeiro, cuja mediana apontava um saldo negativo de R$ 25,750 bilhões, de acordo com levantamento do Projeções Broadcast junto a 17 instituições financeiras. O dado de julho ficou dentro do intervalo das estimativas, que eram de rombo de R$ 41,300 bilhões a superávit de R$ 2,7 bilhões.

No ano até julho, o resultado primário foi de déficit de R$ 73,432 bilhões, o quarto pior resultado para o período da série (1997). Em igual período do ano passado, esse mesmo resultado era negativo em R$ 505,232 bilhões, também por conta dos impactos da pandemia.

Em julho, as receitas tiveram alta real de 38,1% em relação a igual mês do ano passado. Já as despesas caíram 18,1% na mesma comparação, já descontada a inflação.

Em 12 meses até julho, o Governo Central apresenta um déficit de 328,8 bilhões, equivalente a 3,8% do Produto Interno Bruto (PIB). A meta fiscal proposta pela equipe econômica para este ano admite um déficit de até R$ 247,118 bilhões nas contas do governo central, mas no último relatório bimestral o governo previu um rombo menor, de R$ 155,418 bilhões.

Composição

As contas do Tesouro Nacional - incluindo o Banco Central - registraram superávit primário de R$ 16,442 bilhões em julho, de acordo com dados divulgados pelo Tesouro. No acumulado dos sete meses do ano, o superávit primário das contas do Tesouro Nacional (com BC) é de R$ 121,510 bilhões.

Já o resultado do INSS foi déficit de R$ 36,234 bilhões no mês passado. No ano até julho, o resultado foi negativo em 194,614 bilhões.

As contas apenas do Banco Central tiveram déficit de R$ 37 milhões em julho e de R$ 329 milhões no acumulado do ano até o mês passado.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
contas públicas