Geral

Grãos/EUA: qualidade das lavouras de milho melhora na semana, diz USDA

Crédito: Pixaby

Segundo o USDA, 72% da safra tinha condição boa ou excelente até o último domingo (Crédito: Pixaby)

A qualidade das lavouras de milho nos Estados Unidos melhorou levemente na semana passada, disse o Departamento de Agricultura do país (USDA) nesta segunda-feira, 22, em seu relatório semanal de acompanhamento de safra. Segundo o USDA, 72% da safra tinha condição boa ou excelente até o último domingo (21), um aumento de 1 ponto porcentual ante a semana anterior. Além disso, 2% da safra tinha formado espiga, em linha com a média dos cinco anos anteriores.

Produtores de soja tinham semeado 96% da área total prevista até a semana passada, em comparação a 93% na média de cinco anos, disse o governo dos EUA. O USDA informou que 70% da safra apresentava condição boa ou excelente até o último domingo, uma piora de 2 pontos porcentuais ante a semana anterior. Segundo o relatório, 89% da safra de soja tinha emergido, ante 85% na média de cinco anos. Além disso, 5% da safra tinha florescido, em linha com a média.

+ USDA: EUA vendem 538,1 mil toneladas de soja da safra 2019/20 na semana
+ Setor agrícola brasileiro prospera apesar de pandemia de covid-19, diz USDA
+ USDA aprovou até agora US$ 2,89 bilhões em pagamentos a produtores

Segundo o USDA, 52% da safra de trigo de inverno do país apresentava condição boa ou excelente até o último domingo, uma melhora de 2 pontos porcentuais ante a semana anterior. Na data correspondente de 2019, essa parcela era de 61%. O relatório mostrou também que 96% da safra de inverno tinha perfilhado, em comparação a 97% na média dos cinco anos anteriores. A colheita estava em 29%, ante 26% na média de cinco anos.

Quanto ao trigo de primavera, o USDA disse que 75% da safra tinha condição boa ou excelente, uma queda de 6 pontos porcentuais ante a semana anterior. Além disso, 12% da safra tinha perfilhado, ante 22% na média de cinco anos.

De acordo com o relatório, produtores de algodão tinham semeado 96% da área total prevista até o último domingo, em linha com a média de cinco anos. O USDA informou também que 27% da safra tinha florescido, ante 26% na média. O governo dos EUA disse que 6% da safra tinha formado maçãs, em comparação a 4% na média de cinco anos. Segundo o relatório, 40% da safra apresentava condição boa ou excelente, queda de 3 pontos porcentuais ante a semana anterior. (Fonte: Dow Jones Newswires)