Negócios

JBS ampliou produção nos EUA nas últimas 2 semanas para atender demanda

Crédito: Arquivo/Dinheiro Rural

No ano passado, a JBS USA Beef teve faturamento liquido de R$ 87,2 bilhões, 11% acima do ano anterior (Crédito: Arquivo/Dinheiro Rural)

São Paulo, 26 – O CEO da JBS USA, André Nogueira, disse nesta quinta-feira, 26, em teleconferência com analistas para comentar os resultados em 2019, que a empresa elevou a produção de proteínas, em geral, nas últimas duas semanas nos EUA, para suprir o mercado do doméstico, neste “momento de deslocamento da demanda” do food service para o varejo em decorrência da crise do novo coronavírus.

Ele disse também que ainda é não é possível avaliar os efeitos da pandemia nos resultados do negócio de carne bovina nos EUA.

+ JBS obtém liminar que autoriza retomada imediata de atividades em SC
+ JBS diz ter 11 plantas habilitadas pelos EUA para exportar carne bovina
+ JBS Biodiesel investirá R$ 193 milhões para expansão em 2020 

Mas sem considerar o coronavirus, os fundamentos de forte demanda externa pela carne produzida nos EUA e a demanda doméstica indicam que a operação deve manter os bons resultados este ano.

No ano passado, a JBS USA Beef teve faturamento liquido de R$ 87,2 bilhões, 11% acima do ano anterior. O Ebitda da unidade avançou 27%, para R$ 8 bilhões.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?