Sustentabilidade

JBS Biolins amplia capacidade de geração de energia limpa e fontes 100% renováveis

JBS Biolins amplia capacidade de geração de energia limpa e fontes 100% renováveis

A Biolins, usina termoelétrica (UTE) da JBS, produtora de energia elétrica a partir da geração de vapor com a queima do bagaço de cana e outros resíduos, tem a capacidade de geração de 45 MW de potência instalada, o suficiente para abastecer um município de 300 mil habitantes. A unidade utiliza 100% da matéria-prima de fontes renováveis.

 

Nos últimos dois anos houve o incremento na capacidade de produção, com investimentos superiores a R$ 50 milhões.  O recurso foi utilizado para a ampliação e a modernização de equipamentos (troca de turbina, gerador, entre outros) é essencial neste segmento. “Buscamos soluções nos principais centros tecnológicos do mundo”, afirma Oreste J. Trombetta, executivo da JBS Biolins. “Desta forma, aceleramos o retorno do capital investido. Com a modernização, temos uma das usinas de biomassa mais eficiente no Brasil.” 

 

A planta abastece o complexo industrial de Lins (SP), onde está localizada. Seu excedente de energia é distribuído no sistema elétrico e utilizado em outras unidades da JBS. A unidade conta atualmente com cerca de 250 colaboradores diretos e indiretos, e movimenta mais de R$ 100 milhões ao ano na região.

 

Em função dos crescentes custos da energia elétrica para a indústria, a JBS está atenta a novas oportunidades para ampliar sua autoprodução de energia de fontes renováveis, com objetivo de reduzir custos de forma sustentável.