• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias05/01/2022

Máquinas agrícolas: Deere lança trator totalmente autônomo

O veículo é uma versão da máquina da série 8R existente da companhia, que tem 410 cavalos de potência

O veículo é uma versão da máquina da série 8R existente da companhia, que tem 410 cavalos de potência

(Créditos: Divulgação)
Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo05/01/22 - 08h47min

A fabricante de máquinas agrícolas norte-americana Deere & Co. anunciou nesta terça-feira (4) que desenvolveu um trator totalmente autônomo projetado para a agricultura em grande escala e que planeja vender a máquina ainda este ano.

O veículo é uma versão da máquina da série 8R existente da companhia, que tem 410 cavalos de potência. Os usuários do 8R podem atualizá-lo com o sistema de direção autônomo. Apresentada na conferência de tecnologia CES 2022 em Las Vegas (EUA), o equipamento não é o primeiro veículo do tipo autônomo do mundo. Tratores autônomos menores estão sendo usados em fazendas de culturas especiais. A Deere ainda não definiu o preço do veículo.

+ Vendas de máquinas agrícolas sobem 16,5% em outubro contra setembro

Inovação

A aplicação da tecnologia em veículos maiores está apenas começando e promete ter grandes avanços, de acordo com o gerente de pesquisa para agricultura mundial da International Data Corp (IDC), Aron Cory. "A mudança dos convencionais para tratores autônomos será comparável à mudança de cavalos para o motor de combustão", disse.

Os fabricantes de equipamentos agrícolas, incluindo várias startups, como Monarch Tractor e Carbon Autonomous Robotics Systems Inc., vêm trabalhando há anos em tratores sem condutor e outras máquinas autônomas para tarefas como plantio, colheita e remoção de ervas daninhas.

O IDC disse que o setor está pronto para um rápido crescimento nos próximos cinco anos, à medida que a tecnologia de tratores autônomos amadurece, a escassez de mão de obra agrícola persiste e as empresas agrícolas continuam a procurar maneiras de aumentar a produtividade agrícola. Os equipamentos terão um efeito significativo na agricultura, disse Cory. As máquinas devem funcionar 24 horas por dia, permitindo um uso mais eficiente da mão de obra; melhor aplicação de semeadura, fertilizantes e outros insumos; e levar a maiores rendimentos e menor impacto ecológico, garantiu ele.

Em contrapartida, ainda há obstáculos a superar antes que os veículos sejam amplamente adotados. Os fabricantes precisam provar aos agricultores que os dispositivos podem operar com segurança e que não são vulneráveis a ameaças cibernéticas, disse Cory. A Deere, por sua vez, informou que tem uma equipe em tempo integral dedicada a manter a segurança de suas máquinas e dados dos agricultores. Fonte: Dow Jones Newswires.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais