Notícias

Meio Ambiente troca secretário de Biodiversidade

Crédito: Reprodução / LinkedIn

Ela já atuava no ministério como diretora do Departamento de Comunicação da antiga Secretaria de Ecoturismo (Crédito: Reprodução / LinkedIn)

O governo federal trocou o titular da Secretaria de Biodiversidade do Ministério do Meio Ambiente. O posto agora será ocupado por Maria Beatriz Palatinus Milliet, que já atuava no ministério como diretora do Departamento de Comunicação da antiga Secretaria de Ecoturismo. Ela substitui o brigadeiro Eduardo Serra Negra Camerini, que estava à frente da área desde maio do ano passado. A mudança está formalizada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 21.

+ Maia afirma que tema do meio ambiente não pode ser disputa política
+ Bolsonaro: Brasil é o que mais preserva meio ambiente e o que mais sofre ataques

O documento também traz os titulares das três secretarias recém-reestruturadas pelo ministério. Conforme o Estadão antecipou, o governo – pressionado a apresentar ações contra o desmatamento – reformulou a estrutura do Ministério do Meio Ambiente em uma tentativa de mostrar que temas como mudanças no clima, preservação de áreas protegidas e proteção da Amazônia são prioridades da pasta. Com isso, a Secretaria de Relações Internacionais passou a ser Secretaria de Clima e Relações Internacionais; a Secretaria de Ecoturismo agora é Secretaria de Áreas Protegidas; e a Secretaria de Florestas e Desenvolvimento Sustentável passou a ser intitulada Secretaria da Amazônia e Serviços Ambientais.

De acordo com o Diário Oficial, os titulares das secretarias renomeadas permanecem os mesmos, com exceção da área de Clima e Relações Internacionais. O novo secretário será Marcus Henrique Morais Paranaguá, nomeado no lugar de Eduardo Lunardelli Novaes, que passa a ser adjunto da Secretaria Executiva do Ministério.

Ainda segundo a publicação, o secretário Andre Pitaguari Germanos segue no comando da Secretaria de Áreas Protegidas e Joaquim Alvaro Pereira Leite, como secretário da Amazônia e Serviços Ambientais.

Picapes respondem por 12% dos recalls de 2019, aponta pesquisa
5 dicas para conservar (ou comprar) uma picape
As 10 picapes mais vendidas no Brasil em janeiro