Notícias

México: BC decide elevar juros para 4,25%, de olho em expectativas de inflação

O Banco Central do México (Banxico) decidiu nesta quinta-feira, 24, elevar a sua taxa básica de juros de 4,0% para 4,25%, em decisão que não foi unânime. De acordo com comunicado da entidade, dois de seus dirigentes votaram por manter o instrumento de política monetária no mesmo nível.

Segundo a instituição, a decisão foi tomada para “evitar afetações” de pressões inflacionárias transitórias nas expectativas de alta nos índices de preços. No documento, o BC mexicano destaca que as expectativas para a inflação em 2021 tiveram novo aumento em relação à última reunião de política monetária no mês passado, enquanto as de mais longo prazo se mantiveram estáveis, “em níveis superiores à meta de 3%”.

De acordo com a entidade, é esperado que a economia mexicana retome sua trajetória de recuperação no restante do ano, após moderação em abril. A previsão é feita com base nas perspectivas de um “balanço de riscos mais equilibrado”. O Banxico também espera, no entanto, que diferentes setores da economia apresentem retomadas desiguais.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

BC juros México