Notícias

‘Militares garantem a liberdade’, diz Bolsonaro em evento na Aeronáutica

O presidente Jair Bolsonaro voltou a exaltar, nesta segunda-feira, 21, em um breve discurso durante solenidade de graduação de sargentos na Escola de Especialistas de Aeronáutica, em Guaratinguetá (SP), a defesa das Forças Armadas. O presidente repetiu que militares devem defender as cores “verde a amarela” da bandeira brasileira e garantir a liberdade e o cumprimento da Constituição.

“Vejo aqui uma garotada que agora se espalha pelos quatro cantos do Brasil para levar patriotismo, dedicação e as cores da nossa bandeira verde e amarela, que são as cores que nos dão um norte”, disse o presidente aos formandos.

Após a cerimônia, Bolsonaro retorna a Brasília, onde tem reunião com o subchefe para Assuntos Jurídicos da Secretaria-Geral da Presidência, Pedro Cesar Sousa. Em seguida, encontra-se com os ministros da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, da Economia, Paulo Guedes, da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, e da Secretaria de Governo, Flávia Arruda. Por último recebe o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais

Tópicos

Bolsonaro militares