• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 183 30.11Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias14/01/2022

Moro desafia Lula para debate ‘a qualquer hora, sobre mensalão e petrolão’

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo14/01/22 - 16h55min

Estreante numa campanha eleitoral, o pré-candidato à Presidência pelo Podemos, Sérgio Moro, se tornou alvo de desafios para debates cara a cara. E tem feito o mesmo com os rivais. O ex-juiz da Lava Jato foi provocado a debater a reforma do Judiciário pelos integrantes do grupo de advogados Prerrogativas e reagiu chamando para um confronto direto o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva "a qualquer hora, sobre mensalão e petrolão".

Moro fez o desafio ao petista em publicação nesta sexta-feira, 14, em suas mídias sociais.

O desentendimento entre Moro e o Prerrogativas, autodenominado grupo de advogados "progressistas" e "antilavajatistas", esquentou após o advogado Marco Aurélio de Carvalho, coordenador do grupo, declarar que o plano do candidato do Podemos de fazer mudanças no Judiciário causa "espanto". Moro chamou o coletivo de "clube dos advogados pela impunidade" e de "advogados corruptos".

Após esse comentário de Moro, integrantes do grupo mantiveram o desafio por meio de novas publicações em rede social, e o ex-juiz recusou, devolvendo o convite para debater com Lula.

O grupo Prerrogativas foi responsável por organizar um jantar em dezembro de 2021, no qual o ex-presidente Lula e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin se encontraram pela primeira vez em público após a revelação de uma possível chapa com o ex-tucano. Após deixar o PSDB, Alckmin negocia sua filiação principalmente com o PSB e o Solidariedade.

Após lançar pré-candidatura pelo Podemos, Moro tem trocado farpas com o também pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT). Em dezembro de 2021, durante entrevista ao canal MyNews, Moro disse que não participaria de debates com Ciro sem que o adversário mudasse sua "postura ofensiva e agressiva". Em live no canal do YouTube, Ciro respondeu o comentário: "Ele não quer debater comigo porque eu vou dizer que ele é um corrupto", disse.

As cutucadas sobre o tema se estendem. O presidente Jair Bolsonaro (PL), que participou apenas de dois debates nas eleições de 2018, disse a apoiadores que Moro "não aguenta 10 segundos de debate". Em resposta, o ex-juiz disse que Bolsonaro está com medo de não conseguir se reeleger e, portanto, fica "desviando o foco das pessoas" com ofensas.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais