Notícias

OIE notifica 507 novos focos da peste suína, para total de 9.491 surtos no mundo

OIE notifica 507 novos focos da peste suína, para total de 9.491 surtos no mundo

São Paulo, 15 – A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) informou que 507 novos focos da peste suína africana (ASF, na sigla em inglês) foram notificados no mundo entre 27 de setembro e 10 de outubro – período de abrangência do mais recente relatório da entidade. Dos novos surtos detectados, 330 foram notificados na Europa. A OIE afirmou, ainda, que a China não constatou novos casos no período. No levantamento anterior, 355 surtos foram verificados como novos, enquanto 9.280 casos estavam em andamento.

Com a atualização, a OIE estima que há 9.491 surtos em andamento, levando em conta todos os continentes contaminados. Do total de casos detectados, 6.083 estão concentrados no Vietnã.

Segundo a entidade, o relatório compila informações repassadas pelos países membros da organização por meio de dados semestrais, notificações imediatas ou relatos de acompanhamento.

De acordo com a OIE, 22 países notificaram novos surtos ou focos em andamento. Na Europa, Bulgária, Hungria, Letônia, Moldávia, Polônia, Romênia, Rússia, Sérvia, Eslováquia e Ucrânia informaram a incidência da doença. Na Ásia, China, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Laos, Mianmar, Filipinas, Rússia, Vietnã e Timor Leste identificaram novos surtos da epidemia. Já na África, casos foram detectados na Costa do Marfim, Quênia, África do Sul e Zimbábue.

No período de cobertura do levantamento – entre 27 de setembro e 10 de outubro – 37.651 animais foram notificados como eliminados. A maior parte desse número foi observada na Ásia com 25.532 suínos sacrificados, dos quais 12.997 apenas no Laos. Na África, 11.229 animais foram descartados, enquanto a Europa informou que 890 suínos foram levados ao abate sanitário, destes 619 ocorreram na Romênia.