• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias18/05/2022

Ouro fecha em leve queda, com dólar em alta e Fed no radar

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo18/05/22 - 16h06min

O contrato mais líquido do ouro fechou em queda, pressionado pelo avanço do dólar ante rivais. As perspectivas de aperto monetário agressivo pelo Federal Reserve (Fed), em meio à alta da inflação, continuam pesando nos mercados.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro com entrega prevista para junho encerrou a sessão em queda de 0,22%, a US$ 1.814,9 a onça-troy.

A Western Union destaca que o avanço do dólar decorre de uma nova rodada de retórica agressiva do presidente do Fed, Jerome Powell, que sinalizou ontem uma prontidão para "considerar uma mudança mais agressiva" para aumentar as taxas, se a inflação permanecer teimosamente alta. Quando o dólar sobe, commodities cotadas na moeda americana se tornam menos atrativas para detentores de outras moedas.

De acordo com o TD Securities, o ouro não conseguiu manter a linha de tendência do mercado altista perto de US$ 1.830, já que Powell não ofereceu trégua ao mercado. "Com o momento de queda se firmando entre o complexo de metais preciosos, continuamos a ver mais potencial de queda para o ouro", completa. Para o Commerzbank, após os comentários do banqueiro central, alguns participantes do mercado parecem estar interpretando que o Fed vai apertar sua política monetária, mesmo que haja sinais econômicos reais de desaceleração.

Hoje, o presidente da distrital do Fed em Chicago, Charles Evans, defendeu que a instituição deve subir os juros a um nível neutro até o final este ano. Em entrevista à Bloomberg TV, ele afirmou que a política monetária "provavelmente" terá que se mover uma configuração restritiva para conter a recente escalada inflacionária nos Estados Unidos.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
mercado