• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 185 08.04Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 185 08.04Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias09/11/2021

Petróleo deve seguir em atual nível até fim de 2021, diz departamento dos EUA

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo09/11/21 - 15h13min

O Departamento de Energia dos Estados Unidos (DoE, na sigla em inglês) acredita que o barril de petróleo Brent seguirá no atual nível de preços até o final de 2021, em uma média de US$ 82. Em seu relatório de curto prazo de novembro, o DoE apontou que a decisão da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+) de manter os níveis antecipados de produção para dezembro foi um dos grandes fatores para o mais recente avanço nos preços.

Um dos resultados foi que o preço médio da gasolina nos EUA atingiu seu maior nível mensal desde setembro de 2014, segundo levantamento.

Já para 2022, o DoE espera um aumento da produção tanto da Opep+ quanto em produtores de fora do grupo, o que deve levar a uma queda nos preços, incluindo uma média de US$ 72 para o Brent ao longo do ano. O relatório assume que o PIB dos EUA crescerá 5,4% em 2021 e 4,2% em 2022, baseado em previsões da IHS Markit.

"Além da incerteza sobre as condições macroeconômicas, os efeitos em evolução do comportamento do consumidor sobre a demanda de energia devido à pandemia apresentam uma ampla gama de resultados potenciais para o consumo de energia", aponta o DoE sobre incertezas. A taxa na qual os produtores de petróleo e gás natural dos EUA aumentam a perfuração nos níveis de preços previstos também é mencionada.

A produção de petróleo bruto dos EUA em outubro foi em média de 11,4 milhões de barris por dia (bpd), acima dos 10,7 milhões de bpd em setembro, como resultado dos aumentos de produção após interrupções causadas pelo furacão Ida,informa o relatório.

"Prevemos que a produção aumentará para 11,6 milhões bpd em dezembro, e que a anual será em média de 11,1 milhões de bpd em 2021, aumentando para 11,9 milhões de bpd em 2022", projeta o DoE. "O crescimento virá em grande parte como resultado do aumento das contagens de plataformas dos operadores onshore, o que esperamos compensar as taxas de declínio da produção", acrescenta.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
DoE