Economia

Plantio de trigo no RS atinge 43% da área estimada, afirma Emater

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

A Emater diz que, com a perspectiva de clima favorável e de bons preços, há tendência de elevação de 15% da área total a ser cultivada em relação ao ano anterior (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

São Paulo, 19 – O plantio de trigo no Rio Grande do Sul alcança 43% de área estimada em 915.712 hectares neste ano, segundo informou a Emater. Na região de Passo Fundo, que deve semear uma lavoura 30% maior que a de 2019, produtores interromperam momentaneamente a semeadura para que o solo fique mais cedo. Choveu muito da última semana. Na região de Frederico Westphalen, 60 mil hectares já foram implantados.

A Emater diz que, com a perspectiva de clima favorável e de bons preços, há tendência de elevação de 15% da área total a ser cultivada em relação ao ano anterior. As lavouras implantadas estão em fase de germinação e desenvolvimento vegetativo.

+ SC vai estimular plantio de grãos de inverno, como trigo, triticale e cevada
+ Trigo: Brasil importa 15,3% mais em maio ante maio de 2019 

Em relação ao milho verão, a Emater diz que em Soledade a finalização da safra está mais atrasada, com 96% das lavouras colhidas. O rendimento atual é de 2.810 quilos por hectare. “As lavouras por colher são aquelas estabelecidas no tarde, no período pós-colheita do tabaco, e apresentam retardo na maturação devido às condições de tempo úmido devido às chuvas e de temperaturas baixas que acarretam prolongamento do ciclo e interferem na qualidade do grão. Após a colheita, esses grãos terão que passar por um processo de secagem para evitar perdas durante a armazenagem.”

Picapes respondem por 12% dos recalls de 2019, aponta pesquisa
5 dicas para conservar (ou comprar) uma picape
As 10 picapes mais vendidas no Brasil em janeiro

Tópicos

Emates RS trigo