• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias01/04/2022

Procuradoria do PA abre inquérito sobre distribuição de bíblias em evento do MEC

01/04/22 - 18h14min

A Procuradoria da República no Pará (PR-PA) abriu um inquérito preliminar na divisão de combate à corrupção para apurar a distribuição de bíblias, com fotografias do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, e dos pastores Gilmar Santos e Arilton Moura, em evento organizado pelo MEC em Salinópolis (PA). A instituição do Ministério Público Federal (MPF) investiga se o ato, que teve participação do então ministro e de lideranças evangélicas, pode ser enquadrado no crime de improbidade administrativa.

Como revelou o Estadão, o prefeito de Salinópolis, Carlos Alberto de Sena Filho, o Kaká Sena, do PL, bancou a tiragem de mil cópias da bíblia a um custo de R$ 70, segundo fontes que participaram do evento relataram ao jornal. O rosto do chefe do Executivo local também estampou a capa e contracapa dos livros sagrados, que foram distribuídos como cortesia num encontro entre prefeitos e secretários municipais do Pará e o então ministro da Educação, Milton Ribeiro.

Segundo apurou o Estadão com membros do MPF no Pará, o inquérito deverá focar no fato de a prefeitura ter custeado as bíblias. A investigação ficará sob responsabilidade do procurador Patrick Menezes Colares, que contará com o apoio dos grupos temáticos de combate à corrupção e atos administrativos. A decisão de apurar o caso foi tomada na tarde de ontem, 31. O crime de improbidade administrativa prevê perda de mandato e dos direitos políticos por até 14 anos, assim como o pagamento de multa civil de até 24 vezes o valor utilizado no delito.

A reunião em Salinópolis também foi marcada por pedidos de propina em barra de ouro e dinheiro em troca de acesso ao ministro e liberação de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). As cobranças de vantagens indevidas em troca de acesso direto ao gabinete de Milton Ribeiro eram operados pelos pastores Gilmar Santos e Arilton Moura, como revelou a série de reportagens do Estadão sobre o gabinete paralelo instalado no MEC.

Prefeitos disseram ao jornal O Globo que, durante o evento em Salinópolis, receberam pedidos de propina de pastores do gabinete paralelo do MEC, na forma da compra de livros e dinheiro para igrejas, em troca de liberação de verbas destinadas à construção de escolas e creches. As declarações foram confirmadas pelo Estadão, que publicou o relato do pedido de pagamento de até 1 kg de ouro para garantir os repasses dos recursos.

Após o Estadão revelar a distribuição de bíblias no evento de Salinópolis, Milton Ribeiro pediu demissão do cargo de ministro da Educação. O pedido foi aceito pelo na semana passada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), que afirmou em transmissão ao vivo que colocaria "a cara no fogo" pelo então ministro. A informação de que os textos sagrados estariam sendo distribuídos com imagens de pastores e políticos provocou reação dos evangélicos que não aceitaram o uso do livro religioso como forma de promoção individual de autoridades.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais