• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Notícias27/08/2021

Queiroga critica exigência de certificado de vacinação anunciada por Eduardo Paes

Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo27/08/21 - 18h17min

Horas depois de o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), anunciar que a partir de 1º de setembro as pessoas só poderão entrar em uma série de locais de uso coletivo se comprovarem ter sido vacinadas, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, criticou a medida.

"Você começar a restringir a liberdade das pessoas, exigir um passaporte, carimbo, querer impor por lei uso de máscaras para estar multando as pessoas, indústria de multa, nós somos contra isso", afirmou.

"O povo brasileiro é livre e nós queremos que as pessoas exerçam de acordo com sua consciência. Eu uso máscara porque entendo que é importante, você também, não é porque tem uma lei que se você não usar máscara alguém vai lhe multar", disse Queiroga em visita ao Rio de Janeiro, onde cumpriu agenda como ministro.

"Passaporte (de vacinação) não ajuda, não ajuda em nada. Tudo que é imposição, que é lei... o Brasil já tem um regulamento sanitário que é um dos mais avançados do mundo. E essas matérias são matérias administrativas. O certificado de vacinação está lá, qualquer um pode pegar", completou o ministro.

Questionado sobre as pessoas que não usam máscaras, mesmo sendo obrigatórias, Queiroga afirmou que "o principal aliado para pôr fim à pandemia é a vacinação".

Horas antes, o prefeito do Rio anunciou que, a partir de 1º de setembro, certos estabelecimentos comerciais e atrações turísticas deverão exigir a comprovação de vacinação contra a covid-19 para permitir o acesso de clientes.

Até esta sexta-feira, 27, 31.799 pessoas morreram de covid-19 no município do Rio de Janeiro, que registrou 443.315 casos da doença, segundo boletim da secretaria estadual de Saúde.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
coronavírus