• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 186 26.05Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Porteira Aberta30/05/2022

Questão jurídica

Romualdo Venâncio
Texto por:Romualdo Venâncio30/05/22 - 20h15min

Segundo o escritório Bueno, Mesquita e Advogados, especializado em direito agrário, com a alta de 200% nos preços desde o início do ano, alguns fornecedores decidiram não entregar o insumo negociado na cotação antiga para aproveitar os novos valores. O escritório prepara notificações extrajudiciais exigindo o cumprimento de acordos superiores ao montante de R$ 2 milhões.

INFRAESTRUTURA
Novos rumos no transporte

Levantamento da KPMG sobre o panorama da logística no Brasil mostra desafios e tendências para os diferentes modais. No setor aéreo, o avanço de privatizações no ambiente aeroportuário reflete a preocupação com eficiência operacional e energética e com a qualidade do atendimento. Em relação às rodovias, são destaque a melhoria e a expansão da malha pavimentada e o investimento em conectividade, segurança e sustentabilidade. O escoamento logístico por ferrovias ganhou com os investimentos do ano passado (R$ 24,8 bilhões na FIOL e na Ferrogrão), mas ainda tem muito a evoluir em produtividade e eficiência. A questão central dos portos é a verticalização, com a integração dos modais, para dar agilidade. O estudo completo está no site da KPMG.

NEGÓCIOS
Comércio digital

Itaú BBA é o mais novo acionista da Orbia, uma das principais plataformas de comércio digital do agro. Com participação de 12,82% das ações, o banco se junta a empresas como Bayer, Bravium e Yara Brasil, reforça o potencial da Orbia, que pretende chegar a R$ 3 bilhões em vendas este ano, e facilita o acesso dos clientes ao crédito.

RECORDE
Vaca milionária

Durante a ExpoZebu, metade dos direitos da fêmea Nelore Viatina-19 FIV Mara Móveis, uma vaca com pouco mais de 3 anos, foi arrematada por Ney Pereira, da Agropecuária Napemo, por R$ 3,99 milhões. A negociação, que ocorreu durante o Leilão Elo de Raça, acabou projetando o valor total da matriz para R$ 7,98 milhões, recorde mundial de preço para a raça. A oferta foi feita por Casa Branca Agropastoril e Nelore Mara Móveis.

SANIDADE
Vacinação contra aftosa

A partir de 2023, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Tocantins não precisarão mais vacinar contra a febre aftosa. Esses Estados fazem parte do bloco IV do Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância para a Febre Aftosa (PE-PNEFA). O anúncio foi feito pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

INDÚSTRIA
Transporte sustentável

A Marfrig vai cortar a emissão de mais de 7 toneladas de gases de efeito estufa este ano com a sua primeira carreta movida a GNV. O veículo, que emite 15% menos poluentes, atenderá estrategicamente o varejo de Itupeva e Promissão (SP) e da capital carioca, por ser uma rota com maior disponibilidade de postos de abastecimento com gás natural.

CONSUMO
Imagem que informa

Cada vez mais o consumidor exige que a cadeia produtiva de alimentos se comunique de forma clara e direta. O selo de bem-estar animal desenvolvido pela Integral Certificações, por exemplo, assegura a verificação do programa da QCONZ América Latina e informa que o produto vem de fazendas, granjas ou criatórios sem qualquer tipo de maus tratos.

Presidente da ABCSEM

Priscila Margossian é diretora operacional da Margossian Sementes e está à frente da Associação Brasileira do Comércio de Sementes e Mudas até 2023. Ela quer fortalecer o setor, agregar valor à entidade e incentivar a população a ter uma alimentação mais saudável.

DESAFIOS
Um dos principais é contribuir para o desenvolvimento deste mercado e ampliar o trânsito internacional de sementes entre o Brasil e demais países. Fazemos um trabalho constante para estimular o consumo de hortaliças e flores, e buscaremos cada vez mais promover benefícios e diferenciais das cultivares, informando ao consumidor suas características e as várias possibilidades de consumo.

PRIORIDADES
Temos três pilares prioritários. O principal é a legislação, que visa facilitar o comércio de sementes e mudas, tornando-as menos onerosas. O segundo é fortalecer nossa marca, dando maior visibilidade política e social. Por fim, incentivar o consumo por campanhas que mostrem os benefícios da alimentação mais saudável e nutritiva, como o projeto “AlimentAção+Salada”.

PERSPECTIVAS
São muito positivas para 2022. Grandes empresas investem forte para desenvolver hortaliças mais produtivas e resistentes a pragas e doenças, aumentando desempenho e rentabilidade. Na produção, avançam tecnologias como mulching [cobertura do solo com lona plástica], fertirrigação, cultivo protegido e hidroponia. E os consumidores buscam mais alimentos embalados, processados, higienizados e com rastreabilidade certificada, o que traz oportunidades de expansão e diversificação do portfólio para os players do setor.

PECUÁRIA
Zebu na ásia

A genética nacional de gado Brahman vai se espalhar pela Ásia. O i7 Ranch, do Camboja, adquiriu no Brasil reprodutores e matrizes renomados. Os animais estão em pré-quarentenário na fazenda experimental da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e devem embarcar no segundo semestre de 2022. A i7 Ranch também encomendou 30 mil doses de sêmen.

CONECTIVIDADE
Sob nova direção

A diretora de Assuntos Governamentais da AGCO do Brasil, Ana Helena de Andrade, assumiu a presidência da ConectarAgro, antes ocupada por Gregory Riordan, diretor de Tecnologias Digitais da CNH Industrial. “A meta para 2022 é ajudar a levar conectividade para 13 milhões de hectares”, afirmou a executiva.

SUSTENTABILIDADE
Carbono neutro

Ao completar 30 anos, a Minerva Foods apesenta seu primeiro produto certificado Carbono Neutro no Uruguai. A líder em exportação de carne bovina na América do Sul também implementou um plano de redução de emissões em suas unidades produtivas e nas fazendas fornecedoras parceiras para mitigar continuamente as emissões originadas no processo produtivo, que precisam ser compensadas.

LOGÍSTICA
JBS net zero

A nova aposta da JBS em redução de emissões é a No Carbon, uma empresa especializada em locação de caminhões 100% elétricos. A iniciativa está alinhada com o compromisso Net Zero 2040 da companhia. A frota inicial é de 31 Veículos Urbanos de Carga (VUC), que atenderão regiões dos Estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Distrito Federal.

AGRICULTURA
Autossuficiência em milho

O Programa Milho+ SP, lançado pelo governo paulista na Agrishow, pretende impactar 100 mil agricultores e aumentar a produção do grão em São Paulo de 7,7 milhões para 11 milhões de toneladas por ano. A iniciativa é
realizada em parceria com Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho), Corteva Agriscience, Valtra e Yara Brasil.

IMPRENSA
Representatividade

Profissionais que cobrem o agronegócio lançaram oficialmente na Agrishow a Rede Brasil de Jornalistas Agro (Rede Agrojor), que já está integrada a International Federation of Agricultural Journalists (IFAJ). Além do debate sobre os desafios comuns da categoria, o grupo prioriza a defesa da liberdade de expressão, entre outros temas.