Notícias

Receita da Barry Callebaut sobe 6,3% no 1º tri do ano fiscal 2019/20

São Paulo, 22 – A fabricante suíça de chocolates Barry Callebaut informou nesta quarta-feira, 22, que a receita de vendas da companhia aumentou 6,3% em francos suíços nos três meses até 30 de novembro do ano passado, os três primeiros do ano fiscal 2019/20, na comparação com o mesmo período do ano fiscal anterior. A receita chegou a 2 bilhões de francos suíços (US$ 2,06 bilhões).

O volume de vendas no mesmo intervalo subiu 8,2%, para 585.620 toneladas. O volume de vendas no segmento de chocolates da companhia aumentou 7,7%. O de produtos gourmet e especial cresceu 4,4% em volume (excluindo bebidas). Na divisão global de cacau, as vendas avançaram 10,2%.

Na região Ásia-Pacífico, as vendas apresentaram aumento anual de 21,8% em volume (para 33.486 toneladas) e de 14,1% em receita em francos suíços, para 112,3 milhões.

Nas Américas, o avanço foi de 3,3% em volume – para 152.843 toneladas – e de 4,1% em receita, para 499,4 milhões de francos suíços. Na Europa, Oriente Médio e África, o avanço foi de 5,2% em receita, para 845,6 milhões de francos suíços, e de 8,7% em volume, para 269.636 toneladas.

O CEO da companhia, Antoine de Saint-Affrique, afirmou em comunicado: “O forte começo de ano, junto a um portfólio saudável e uma execução diligente da nossa estratégia de ‘crescimento inteligente’ nos deram confiança que nós estamos no caminho para entregar o guidance de meio de período para o período que termina no ano fiscal 2021/22”.