Notícias

Saúde animal: Elanco projeta receita de até US$ 3,11 bilhões em 2020

São Paulo, 21 – A Elanco Saúde Animal anunciou sua previsão financeira inicial para 2020. A receita deve ficar entre US$ 3,05 bilhões e US$ 3,11 bilhões. O lucro por ação deverá ficar na faixa de US$ 0,04 a US$ 0,16, e entre US$ 1,09 a US$ 1,16, em uma base ajustada.

A empresa destaca em comunicado que a previsão de receita e as expectativas de lucro por ação são apenas para a Elanco e não incluem nenhuma receita que poderá resultar da fusão com a Bayer Saúde Animal. Em 9 de janeiro passado, a Elanco recebeu autorização das autoridades chinesas de antitruste (State Administration for Market Regulation, SMR) para concluir a aquisição. “Revisões antitruste estão em andamento em todo o mundo”, diz a empresa.

No Brasil e América Latina, embora o ano fiscal não tenha se encerrado, Carlos Kuada, CEO da Elanco no Brasil e vice-presidente Latin America, prevê um crescimento na margem de 7%. Segundo ele, o aumento das exportações das carnes brasileiras para a China, em virtude da peste suína africana que atingiu aquele país, contribuiu para que a empresa tivesse um crescimento de 25% nos produtos para ruminantes no segundo semestre do ano passado, comparado com o primeiro. “No último trimestre de 2019, percebemos que nossos clientes começaram a ser impacto positivo dos efeitos da crise chinesa. Com este otimismo, esperamos registrar 7% de crescimento”, conclui.