Negócios

Saúde animal: lucro da Phibro cai 8,8% no 3º tri fiscal, para US$ 13,5 milhões

Crédito: Reprodução/Phibro

O lucro ajustado diminuiu 3,1% na mesma comparação, para US$ 15,5 milhões. Segundo a companhia, a queda do lucro foi motivada principalmente por uma redução de US$ 1,2 milhão no lucro operacional (Crédito: Reprodução/Phibro)

São Paulo, 8 – A fabricante de produtos para saúde animal e nutrição na pecuária Phibro Animal Health, dos Estados Unidos, obteve lucro líquido de US$ 13,5 milhões, ou US$ 0,33 por ação, em seu terceiro trimestre fiscal, encerrado em 31 de março deste ano, informou a companhia na noite desta quinta-feira. O resultado representa queda de 8,8% em relação aos US$ 14,8 milhões, ou US$ 0,37 por ação, verificados em igual intervalo de 2019.

O lucro ajustado diminuiu 3,1% na mesma comparação, para US$ 15,5 milhões. Segundo a companhia, a queda do lucro foi motivada principalmente por uma redução de US$ 1,2 milhão no lucro operacional.

A receita líquida atingiu US$ 210,7 milhões no período, alta de 2,4% ante os US$ 205,7 milhões reportados um ano antes. As vendas do segmento de saúde animal aumentaram 8%, para US$ 139 milhões. Já o segmento de nutrição mineral obteve receita líquida de US$ 56,2 milhões, queda de 7% na comparação anual, refletindo preços médios de venda mais baixos.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, a Phibro cancelou seu guidance para o ano fiscal 2020. Para o trimestre corrente, a companhia prevê “uma interrupção sem precedentes na demanda e impactos na produção na indústria global de animais, devido à pandemia de covid-19”.