Finanças

Economia verde dá dinheiro

Ibirama, município catarinense com 15 mil

habitantes, cresce com programa de recompensa ao agricultor

Leite enriquecido: produção garante uso de retroescavadeira a fazendeiro

Foi inspirado por um programa de recompensa para o agricultor sustentável, realizado no município mineiro de Extrema, que Jaime Juares Schulz, secretário do Desenvolvimento Econômico de Ibirama, município localizado a 200 km de Florianópolis, criou o programa Cuidando da Qualidade de Vida na Agricultura. Desde 2010, a Prefeitura de Ibirama oferece crédito aos produtores rurais que recuperam áreas degradadas e investem em projetos socioambientais, segundo os princípios da economia verde. Com pontos acumulados, por meio do volume de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) gerado pelo agricultor ao município, o produtor rural acessa serviços como empréstimo de maquinário, consultoria técnica agrícola e assistência veterinária, além de auxílio de engenheiros para determinar se a propriedade tem aptidão para gerar ecoturismo. Para isso, a prefeitura local investe em média R$ 1 mil por produtor por ano. “Queremos nos aproximar do agricultor, ajudá-lo a crescer e gerar riqueza ao município”, diz Schulz. A fórmula deu certo. O movimento econômico do setor agrícola de Ibirama fechou 2011 com pouco mais de R$ 13 milhões. Em 2009, antes do projeto, a agricultura local havia movimentado apenas R$ 5 milhões. O Qualidade de Vida começou com 150 agricultores locais, passou a 202 no ano passado e já sinaliza que vai para 300 em 2012. Esse volume representa 67% do total de produtores rurais do município. “Neste ano devemos investir R$ 300 mil para ampliar adeptos”, diz o secretário. Um dos agricultores beneficiados com o retorno do imposto é Edson Richter, que em 15 hectares de seu sítio, de 54 hectares, produz anualmente 80 mil litros de leite, 172 sacas de milho e 800 arrobas de fumo. “Na área restante, faço reflorestamento”, diz o agricultor. No ano passado, Richter acumulou 900 pontos e os trocou por dez horas de uso de uma retroescavadeira.

O ICMS gerado pelo produtor para o município se transforma em pontos que dão direito ao uso de serviços especiais

Alguns dos produtores que participam do programa ainda acabaram aquecendo o turismo na cidade. É que, se a propriedade for identificada com potencial para o ecoturismo, ela pode ser enquadrada no programa. O agricultor pode abrir uma trilha até uma cachoeira e gerar turismo. O projeto credita tais práticas e gera pontos. Ponto também para Ibirama.

Brasil Olímpico

Pelo terceiro ano consecutivo, a amazona de São Paulo Luiza Tavares Almeida foi eleita pelo Comitê Olímpico Brasileiro a melhor atleta na modalidade adestramento do País. Em julho de 2011, Luiza, aos 20 anos, representou o Brasil nos jogos mundiais militares, no Rio de Janeiro, nos quais conquistou a medalha de ouro individual e a de prata por equipe. Em outubro, ela participou dos jogos Pan- Americanos de Guadalajara, no qual encerrou a temporada como campeã nacional sênior top.

Jurados para 2012

O corpo de jurados para os Jogos Olímpicos de Londres 2012 já está definido. A Federação Internacional Equestre (FEI, na sigla em inglês) nomeou a dinamarquesa Anne Mette Binder como presidente do júri na modalidade concurso completo, o alemão Stephen Ellenbruch para saltos de obstáculos e o britânico Stephen Clarke para avaliar os adestramentos. Os Jogos de Londres acontecem de 27 de julho a 12 de agosto.

Os filhos da rainha

A ex-jogadora de basquete Hortência Marcari se rendeu ao hipismo, embora não tenha mudado de esporte: cada vez mais, ela tem sido vista nas principais competições de adestramento do País, incentivando e aplaudindo a performance dos filhos, João Victor e Antonio Victor Marcari Oliva. Desde que começaram a competir, influenciados pelo pai, o promotor de eventos Victor Oliva, os meninos se tornaram imbatíveis em suas categorias. Em 2011, João, aos 15 anos, sagrou-se tetracampeão brasileiro ao vencer nas categorias minimirim, mirim e duas vezes na júnior. Já Antonio Victor, 14 anos, faturou o tricampeonato brasileiro com vitórias nas categorias minimirim e na mirim.

Matsuda Mangalarga

A Copa de Andamento Matsuda Mangalarga elegeu em dezembro os campeões da temporada 2011. No Parque da Água Branca, em São Paulo, o cavalo grande campeão foi Barcelos do Torquato, exposto por Fernando Rivaben. O título garantiu ao haras Origem, de Batatais (SP), o troféu Eduardo Diniz Junqueira. Entre as fêmeas, o destaque foi a égua Branca França, da seleção de Eduardo Henrique Souza de França, do haras F1, de Belo Horizonte.

Cânter

Mário Alves Barbosa Neto comanda a Vale Fertilizantes, a Associação Nacional para a Difusão de Adubos e ainda cria cavalos mangalarga. Neste ano, o criador assumiu, pela terceira vez, a presidência da associação nacional da raça, a ABCCRM.

Qual o maior desafio da associação de criadores em 2012?

Nosso desafio é atrair novos associados para a entidade. Hoje são 1,2 mil, mas queremos chegar a 1,5 mil até 2015.

Quais os planos para atingir essa meta?

Introduzir provas com mais adrenalina para atrair jovens criadores, incentivar as cavalgadas, levar a raça para a região central do Brasile vender animais fora do eixo São Paulo-Minas Gerais.

Mas esses projetos já não fizeram parte da plataforma de diretorias anteriores da ABCCRM?

Sim. A valorização do andamento e a função da raça foram os principais focos até então. Foi nos últimos cinco anos, com mudanças nas pontuações das competições, que conseguimos valorizar a raça. Agora a ideia é crescer.

Ibirama, município catarinense com 15 mil

habitantes, cresce com programa de recompensa ao agricultorDestaques

1. Café em alta

A safra brasileira de café 2012/2013, com colheita prevista a partir do segundo trimestre deste ano, deve ficar entre 52,2 milhões e 55 milhões de sacas de 60 quilos. O volume médio previsto é de 53,6 milhões de sacas. Na comparação com a temporada anterior, o aumento na produção pode variar entre 11% e 17%. Dessa produção, a participação do arábica deve ficar entre 38,6 milhões e 40,7 milhões de sacas, elevação de 13% a 19% sobre a safra anterior.

2. Poucos negócios

O mercado de algodão no País operou sem alterações na dinâmica de comercialização na primeira quinzena de dezembro. Isso porque os compradores adquiriram apenas o necessário para atender às necessidades imediatas. A safra brasileira de algodão em pluma na temporada 2011/2012 está estimada em 1,9 milhão de toneladas, recuo de 1,3% na comparação com a safra anterior.

3.Trigo sem jeito

Moinhos e consumidores de derivados estão abastecidos com o cereal, dificultando uma possível retomada de negociações no curto prazo, de acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Esalq/USP. O cancelamento dos leilões da Conab, sob suspeita de tentativa de fraude, também contribuiu para manter o ritmo lento no qual se encontra o mercado doméstico de trigo.

* até 26 de dezembro

Comentário do mês

Soja cresce na América do Sul

A produção de soja da América do Sul deverá ser de 142,6 milhões de toneladas em 2011/2012, com crescimento de 5% ante 2010/2011, quando foram colhidas 135,8 milhões de toneladas. Na produção do Brasil está previsto crescimento de 1%, com 75,3 milhões de toneladas. Já a Argentina deve produzir 54,1 milhões de toneladas, aumento de 10%.

14 de dezembro de 2011

Calendário do mês

Festa do Figo

Entre os dias 14 e 29 de janeiro será realizada a 63ª Festa do Figo em Valinhos, no interior paulista. O evento, que tornou a cidade conhecida em todo o País como a capital do figo roxo, acontece no Parque Municipal Monsenhor Bruno Nardini. Informações pelo tel. (19) 3849-7790.

Itaipu Rural Show

Será em Pinhalzinho, cidade próxima a Curitiba, o 14º Itaipu Rural Show, evento de difusão tecnológica do agronegócio do Sul do País. Com foco na pequena e média propriedade rural, a feira acontece entre os dias 25 e 28 de janeiro no Centro de Treinamento e Transferência de Tecnologias. Informações pelo tel. (49) 3366-6500

110ª Fieragricola

A Veronafiere promove no Verona Exhibition Centre, em Verona, na Itália, a 110ª Feira Internacional de Agricultura e Zootecnia, chamada de Fieragricola. O evento ocorre de 2 a 5 de fevereiro. Informações com a Câmara de Comércio e Indústria Ítalo-Brasileira de Minas Gerais pelo tel. (31) 3287- 5191 ou pelo site www.italiabrasil. com.br.

Expoinel MG

Entre os dias 3 e 13 de fevereiro acontece em Uberaba (MG), no parque de exposições Fernando Costa, a versão estadual da Exposição Internacional de Nelore, a Expoinel-MG. São esperados cerca de mil animais para julgamento para a realização de leilões. Informações pelo tel. (31) 3286-5347 ou pelo site www.nelore-mg.org.br

BioGene em Ação

O tratamento industrial de sementes, tecnologias de mercado e novos híbridos para grão e silagem serão temas de palestras na BioGene em Ação. O evento acontece entre os dias 6 e 8 de fevereiro no Colégio Agrícola de Erechim, no Rio Grande do Sul. Informações pelo tel. (54) 9183-8068.

Coopavel 2012

A Cooperativa Agroindustrial de Cascavel, no Paraná, realiza de 6 a 10 de fevereiro a Coopavel 2012. A exposição agropecuária do município é a principal difusora de tecnologias voltadas ao aumento de produção das propriedades do oeste do Estado. Informações pelo tel. (45) 3225-6885 ou pelo site www.coopavel. com.br

World AG Expo

A Feira Mundial da Agricultura World AG Expo está marcada para o período de 14 a 16 de fevereiro em Tulare, na Califórnia. A cidade fica no Vale Agrícola de São Joaquim, uma das regiões mais importantes dos Estados Unidos na produção de alimentos. Para a edição 2012, são esperados 1,6 mil expositores. Informações pelo tel. 800 999-9186 (USA) ou pelo e-mail: info@farmshow.org

Colheita do Arroz

A 22ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, promovida pela Federação dos Arrozeiros do Rio Grande do Sul, conta com exposições de máquinas, equipamentos e tecnologias. O evento será em Restinga Seca (RS) de 23 a 25 de fevereiro, . Informações pelo tel. (55) 3261-1078